fbpx

Lincoln pode render novo valor ao Grêmio e relembra pedido a Renato para jogar mais: “Respeitei a decisão”

Jovem meia de 23 anos tem se destacado com a camisa do Santa Clara, de Portugal

Antiga promessa das categorias de base do Grêmio, o meia Lincoln, hoje com 23 anos, tem conseguido a maturidade e a sequência no futebol com a camisa do Santa Clara, de Portugal, já despertando interesse de outros clubes da Europa. O Fenerbahçe, do novo técnico Jorge Jesus, seria um dos clubes interessados acenando com proposta de 5 milhões de euros – o Grêmio tem direito a 20% de futura venda.

Ao UOL Esporte, o jogador voltou a falar de vários temas de sua passagem ao Grêmio, como um pedido frustrado a Renato para poder jogar mais e a subida ao profissional com Felipão em 2015:

Pedido a Renato

“Na época eu falei com Renato sobre a possibilidade de olhar a forma que eu estava trabalhando, me dedicando, respeitando todos os companheiros, respeitando a decisão dele, nunca fui contra, mas queria meu espaço, uma oportunidade. Como não aconteceu, decidi sair”

Subida para o profissional

“O Lincoln não escolheu subir cedo para o profissional. O Lincoln estava trabalhando, assim como os outros jogadores estavam trabalhando. Quando me fazem este tipo de pergunta, sobre ter subido cedo, eu penso e até gosto”

Felipão

“Muita gente acha que subi cedo para o profissional, quanto a isso fico sem entender, mas quem viu o Lincoln jogar foi um treinador respeitado, como o Felipão, mas preferem acreditar que chamei atenção por ter 15 anos e estar no meio de jogadores com 20, 21”

Sentimento pelo Grêmio e vida na Europa

“Tenho total respeito pelo Grêmio e o que vivi lá, mas Portugal não apenas me abriu as portas da Europa, mas que me deu a confiança que eu precisava, me deu o que eu estava precisando e não estava tendo em Porto Alegre”

Clique nas manchetes abaixo para ler mais notícias sobre o Grêmio:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas