fbpx

Após derrota para o Grêmio na Arena, Novorizontino esbraveja contra a arbitragem em comunicado oficial

Clube paulista se sentiu prejudicado pelas decisões tomadas pelo árbitro Sávio Pereira Sampaio

Um dia depois de perder de 2×0 para o Grêmio, na Arena, pela Série B, o Novorizontino usou as suas redes sociais oficiais para protestar contra a arbitragem de Sávio Pereira Sampaio. O clube paulista alega que o tempo de jogo da etapa inicial já havia acabado quando o juiz, com o auxílio do VAR, marcou pênalti em toque no braço do zagueiro Rodolfo Filemon.

No texto, o time cobra da CBF “uma arbitragem correta, imparcial, que proporcione aos atletas de ambas as equipes em campo”. Ainda na terça, na saída ao intervalo, membros do staff do Novorizontino fizeram duras críticas à arbitragem:

Confira a nota oficial do Novorizontino:

“O Grêmio Novorizontino, por meio de sua diretoria, vem a público manifestar a sua insatisfação e descontentamento pela ocorrência de falhas e interferências das equipes de arbitragens do Campeonato Brasileiro da Série B em seus jogos.

Na última terça-feira (7), na partida diante do Grêmio (RS), nos sentimos novamente prejudicados pela marcação de uma penalidade por interferência do VAR, quando o tempo de jogo e acréscimos dados pela arbitragem já haviam expirado.

O Grêmio Novorizontino não faz esse manifesto como forma de justificativa pelo não resultado positivo em campo, mas como um posicionamento junto à Comissão de Arbitragem da CBF, para que tenhamos sempre uma arbitragem correta, imparcial, que proporcione aos atletas de ambas as equipes em campo, a segurança na realização de seus trabalhos, para que prevaleça em campo o resultado da técnica e táticas aplicadas no dia-dia de nosso trabalho.”

Clique nas manchetes abaixo para ler mais notícias sobre o Grêmio:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas