fbpx

Menosprezou o Inter? Deco revive final de 2006, diz que se irritou com folga e admite má preparação do Barcelona

Ex-meia do clube espanhol falou ao Arena SBT da última segunda-feira sobre a final do Mundial de 2006

Embora negue que o Barcelona tenha “menosprezado” o Inter na final do Mundial de Clubes de 2006, o ex-meia Deco, titular absoluto do time espanhol naquela época, admitiu nesta segunda-feira que a preparação do seu clube na ocasião deixou muito a desejar. Ao Arena SBT, o antigo jogador disse inclusive ter se irritado com uma folga dada pelo técnico Frank Rijkaard na sexta, dois dias antes da final contra o clube gaúcho.

“Não entramos de salto alto. Mas na verdade a gente não se preparou. Nós viajamos num sábado, jogamos no sábado contra o La Coruña, ganhamos, estávamos com o time um pouco limitado, porque o Eto’o estava machucado e o Messi não estava. Eu até pensei que a gente no primeiro jogo contra o América ia poupar um pouco. O planejamento do Rijkaard, por exemplo, sexta-feira deu folga pro time inteiro e eu fiquei p*** porque não tinha sentido ter folga, folga pra quê? Pra tirar foto, fazer compra? E a final era no domingo e aquilo foi… não é menosprezar, mas quando você fisicamente não está muito focado, se não for pra ganhar pode acontecer o que aconteceu. Mas a verdade é que a gente não se preparou”, declarou Deco.

Ouça o áudio da entrevista de Deco:

Para ele, o Barcelona deveria ter dedicado mais tempo de sua preparação no Japão e que a chegada quase que “em cima da hora”, bem ao contrário do que fez o Inter, também prejudicou no resultado final:

“A gente foi com muito pouco tempo, era uma semana só, então, pra mim, o planejamento tinha que ser muito maior. O Inter estava desde três semanas antes treinando, ainda com o Paulo Paixão de preparador. Então fisicamente os caras estavam voando e a gente não lidou aquilo como tinha que lidar pra querer vencer o jogo”, ampliou.

Em campo, o Inter venceu aos 36 minutos do segundo tempo com o gol do herói improvável Adriano Gabiru, que precisou entrar na vaga do lesionado Fernandão. O próprio Deco teve a chance de empatar logo depois em um chute de fora da área, mas Clemer fez grande defesa de mão trocada.

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas