fbpx

Maicon cita os três times mais difíceis que enfrentou pelo Grêmio e dá bastidores da goleada do Flamengo

Ex-volante gremista concedeu novas declarações em entrevista ao podcast Fora do Jogo

Na mesma entrevista que voltou a cutucar o seu desafeto Rodrigo Dourado, Maicon repassou momentos emblemáticos vividos com a camisa do Grêmio como, por exemplo, a frustração da derrota de 5×0 para o Flamengo na volta da semi da Libertadores de 2019 no Maracanã. O volante colocou aquela equipe carioca como uma das três mais difíceis que ele enfrentou atuando pelo time gaúcho de 2015 a 2021.

“O Flamengo de 2019 nem o mais otimista torcedor imaginaria que o time faria aquilo tudo. Mas foi merecedor. No primeiro jogo daquela semi, que foi 1×1, eles tiveram gols anulados. Eles jogaram melhor na Arena do que no segundo jogo. Na Arena eu estava no banco e foi um amasso. Já iríamos perder no primeiro jogo. Foram superiores mesmo. Só que eu sempre fui transparente e o adversário também tem seus méritos. O Flamengo estava passando por cima de todo mundo. No Maracanã foi um gol atrás do outro e a gente se olhava assim: ‘Caraca, meu irmão, que tá acontecendo’. Foi ruim demais pra nós. Os mais difíceis que pegamos no Grêmio foi o Rosario Central em 2016, o River de 2018 e o Flamengo de 2019”, declarou Maicon ao podcast Fora do Jogo.

Perguntado sobre como ficou o vestiário gremista depois da goleada sofrida no Maracanã, Maicon relatou que cada um queria “se enfiar em um buraco”:

“No vestiário, depois do jogo, cada um quer se enfiar em um buraco. O jogo não sai da tua mente. Te dá uma pane, mas tu tem que saber perder. Eles fazem dois, três e seguem vindo pra cima, com a confiança no alto. Regularidade deles naquele ano era muito grande”, completou.

Recentemente, Maicon deixou o elenco do CRB com menos de 10 partidas disputadas na temporada. Ele não anunciou ainda qual será o seu próximo desafio na carreira.

CLIQUE NAS MANCHETES ABAIXO PARA LER MAIS NOTÍCIAS SOBRE O GRÊMIO:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas