fbpx

Entenda o que ainda impede o Inter de anunciar oficialmente a permanência do zagueiro Bruno Méndez

As tratativas com o Corinthians avançaram bastante nos últimos dias, chegando perto de um consenso

Sem jogar e em compasso de espera sobre a sua própria situação, Bruno Méndez aguarda com grande expectativa o fim das tratativas entre Inter e Corinthians, que avançaram bastante nos últimos dias. Os dois clubes já acertaram valores e formato de pagamento para que o uruguaio permaneça no Beira-Rio, algo que é de sua vontade. Na quarta-feira, o também zagueiro Gabriel Mercado chegou a revelar ter pedido para a direção do Inter que o jogador ficasse.

O valor total parcelado que o Inter pagará ao clube paulista fica entre R$ 15 milhões e R$ 20 milhões, mas ainda há um impasse no qual os dois times tentam destravar. O Inter quer comprar 50% dos direitos do jogador, enquanto o Corinthians deseja vender menos, apenas 35%. Pela vontade colorada, o Corinthians ficaria apenas com 10% para lucrar em uma futura venda (os outros 30% pertencem ao Montevideo Wanderers-URU).

O último jogo de Méndez pelo Inter foi no empate em 1×1 fora de casa com o Santos, quando entrou como lateral-direito na função de Fabricio Bustos e fez o gol do time no segundo tempo. Este foi o seu 6° jogo no Brasileirão, ficando a um passo do limite de jogos para poder se transferir a outro clube. Assim, a comissão técnica liderada por Mano Menezes decidiu não utilizá-lo até a definição do seu futuro.

O uruguaio tem contrato de empréstimo válido apenas até o final do mês e não jogará no Brasileirão até que a sua situação seja definida. Pelo que foi previsto no acerto ainda em 2021, o Inter tem direito a comprá-lo por 6 milhões de dólares, mas este valor passou a ser considerado muito alto pela direção.

CLIQUE NAS MANCHETES ABAIXO PARA LER MAIS NOTÍCIAS SOBRE O INTER:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas