fbpx

Campeão com o Inter, Renan relembra passado, avalia vaias a Daniel e entende torcida: “Precisa saber lidar”

Ex-goleiro colorado está na torcida para que Daniel consiga triunfar com a camisa do clube

Presente em grandes conquistas do Inter primeiro como reserva e depois como titular, em 2010, no bi da Libertadores, Renan concedeu entrevista ao jornalista João Bosco Vaz para falar, dentre outros temas, do seu colega de posição Daniel. O antigo atleta colorado confia em uma reviravolta, mas demonstrou entender a presente insatisfação da torcida.

Na terça-feira, Daniel cometeu pênalti logo cedo contra o Colo-Colo e passou a ser vaiado nas vezes que tocava na bola a seguir. O clima só melhorou quando o Inter virou o jogo e posteriormente se classificou às quartas da Sul-Americana para pegar o Melgar, do Peru.

“Eu não conheço e não tenho contato com o Daniel, mas tenho certeza que ele é quem mais se cobra para as coisas acontecerem para ele próprio. Ele está vivendo um sonho assim como, lá atrás, foi comigo. Está preocupado em defender o Inter e as conquistas são sempre valorizadas, marcam o nome dos atletas e fico na torcida para o Daniel ter vitórias importantes. A vida do jogador de futebol é um eletrocardiograma e ele precisa saber lidar com isso. Tenho certeza que ele tem qualidade e tem profissionais para dar apoio a ele”, afirmou Renan.

Renan, que teve como último clube o Marcílio Dias-SC, foi reserva de Clemer durante muitos anos no Inter. Passou a ser titular em 2007 antes de ser vendido ao Valencia, da Espanha. Depois, voltou em 2010, foi campeão da Libertadores e no ano seguinte perdeu a posição para Muriel.

Atualmente, a opção para Daniel no gol do Inter é Keiller, que jogou apenas uma vez até agora sob comando do técnico Mano Menezes. Ele foi titular no empate em 1×1 fora de casa contra o Ceará pelo Brasileirão.

Clique nas manchetes abaixo para ler mais notícias sobre o Inter:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas