fbpx

Após Wesley Moraes e Bruno Gomes, Inter seguirá reduzindo o plantel para diminuir gastos; saiba os próximos da fila

Direção colorada usará a janela de transferências para seguir reduzindo a folha salarial

Focado na busca por um novo centroavante, que pode ser Darío Benedetto, do Boca Juniors, o Inter sabe que precisa seguir reduzindo custos e diminuindo a folha salarial do atual elenco. Assim, a reabertura da janela de transferências nesta semana já vai sendo marcada por algumas saídas do plantel. Duas delas já foram definidas entre jogadores que não vinham sendo titulares.

Criticado pela torcida e autor de apenas dois gols em sua passagem, o centroavante Wesley Moraes (foto) foi devolvido ao Aston Villa, da Inglaterra, que repassou o empréstimo ao Levante, da Espanha. Já o volante Bruno Gomes, que fez uma única partida pelo Inter em 2022, foi emprestado até o fim do ano para o Coritiba.

Ainda há a situação de Moisés, que poderá fazer a despedida nesta quarta-feira diante do São Paulo, às 20h30, no Beira-Rio, pelo Brasileirão. Com proposta na mesa por empréstimo do CSKA, da Rússia, o próprio jogador admitiu a chance de saída em entrevista dada no sábado, no Paraná, depois do empate sem gols com o Athletico. A saída do trio fará o clube economizar cerca de R$ 1 milhão.

De acordo com o site GZH, a direção do Inter ainda planeja novas saídas se caso chegarem propostas e os atletas se interessarem em sair. Nomes como Boschilia, Paulo Victor e Gustavo Maia constam neste grupo. Recentemente, Caio Vidal não topou ir para o Juventude.

Clique nas manchetes abaixo para ler mais notícias sobre o Inter:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas