fbpx

Jornalista identificado com o Inter sugere multa no salário de Alemão após cartão vermelho: “Cortar no bolso”

Centroavante foi para o banho mais cedo após atingir adversário no empate com o Melgar

O empate do Inter em 0x0 diante do Melgar, no Peru, pela ida das quartas de final da Sul-Americana, contou com uma inesperada expulsão do centroavante Alexandre Alemão. Bastante combativo na briga pela bola com os defensores, como de costume, o jogador acabou atingindo o rosto do rival Arias no segundo tempo e levou cartão vermelho.

Mesmo com um a menos, o time gaúcho conseguiu segurar o placar até o fim, mas, para o jornalista colorado Luciano Potter, Alemão não deveria passar ileso do episódio. No Twitter, o comunicador da Rádio Gaúcha sugeriu até mesmo uma multa no salário do jogador:

“Expulsão de desconto salarial. Cortar no bolso. Firmemente. Expulsão de falta de cognição tem que cortar”, escreveu Potter.

O técnico colorado Mano Menezes, por sua vez, tratou com naturalidade e muito bom humor a expulsão. Após dizer que Alemão precisa trocar a bergamota pelo maracujá, o comandante garantiu que não vai permitir que o atleta seja crucificado:

“Muita bergamota. Todo mundo dando bergamota pro Alemão e ele ficou nervoso. Temos que começar a dar a fruta que acalma. Vamos começar a dar maracujá pra ele (risos). Faz parte da formação dele, pra aprender e melhorar nas próximas. Tomou amarelo que não precisava tomar. Levou uma falta, ficou irritado, aí foi lá e fez outra. Esses jogos também são duros pro atacante. Precisamos do equilíbrio emocional necessário. Ele não é culpado de nada e não vamos crucificar o jogador”, citou.

Sem Alemão, Mano tem a opção de lançar Braian Romero como titular na próxima quinta ou formar um ataque com Wanderson e Pedro Henrique, sem o 9 de ofício. O duelo da volta no Beira-Rio, sem saldo qualificado, também será no horário das 19h15.

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas