Em busca de um novo meia, Grêmio vê empresários oferecerem Nathan; Atlético-MG impõe condições de negócio

Meia de 25 anos está tendo o nome analisado pela direção gremista; Galo cobra valor alto

Com carência no setor do meio de campo a partir da irregularidade de Jean Pyerre, o Grêmio analisa outros nomes para a posição e tem, na mesa, a situação de Nathan, do Atlético-MG, que foi oferecido ao clube por intermédio de empresários. O jogador tem 25 anos e contrato até 2024 em Belo Horizonte.

LEIA MAIS – Jean Pyerre se manifesta após jornalista informar reunião com Tiago Nunes e pedido para sair do Grêmio

Para tê-lo em definitivo no ano passado, o Galo pagou cerca de 3 milhões de euros ao Chelsea, de modo que, para liberá-lo, gostaria de uma compensação financeira. O clube não vai fazer negócio nos moldes de empréstimo com opção de compra.

“Nós pagamos pelo Nathan uma quantia considerável e nós não vamos nos desfazer do jogador, a não ser que venha um clube e pague”, disse o executivo de futebol do Atlético-MG, Rodrigo Caetano, ao jornalista Vagner Martins.

A postura do staff de Nathan foi de entrar em contato diretamente com o Grêmio, sem consultar previamente o Atlético-MG. Neste momento, o jogador tem concorrência pesada no Galo em seu setor com nomes como Nacho Fernández, por exemplo.

Além da instabilidade de Jean Pyerre, o tricolor ainda não conseguiu dar uma grande sequência de jogos a César Pinares desde a sua chegada. Fora lesões, o meia é constantemente convocado ao Chile, como agora na Copa América.

  • Clique aqui para entrar no grupo 26 para acompanhar as notícias do Grêmio.
  • Clique aqui para entrar no grupo 27 para acompanhar as notícias do Grêmio.