Repórter afirma que Grêmio entrou em contato para tentar a contratação de Tiquinho Soares

Direção segue trabalhando no mercado para conseguir um centroavante de maior nome

Publicidade

Uma informação dada pelo jornalista e repórter da Rádio Gaúcha, Eduardo Gabardo, agitou a torcida do Grêmio nesta segunda-feira. Segundo ele, a direção do clube teria feito contato recentemente para iniciar tratativas com o centroavante Tiquinho Soares, do Botafogo. O jogador se destacou especialmente no primeiro turno do Brasileirão do ano passado e tem contrato com validade até dezembro deste ano.

O Grêmio, no entanto, escutou que o Botafogo não planeja se desfazer do centroavante e que não vai abrir negociações neste momento. Assim, passa a ser apenas mais um dos tantos nomes citados e especulados desde o começo do ano como possível “herdeiro” da camisa 9 deixada por Suárez.

Veja também:
1 De 6.008

“O Grêmio fez uma consulta sobre a situação de Tiquinho Soares no Botafogo. No entanto, o que recebeu é que não existe a intenção do clube carioca em negociar o atleta. O centroavante marcou 17 gols no Campeonato Brasileiro de 2023, empatado com Suárez como vice artilheiro da competição. Apesar da negativa do Botafogo, não se pode descartar uma nova investida do Grêmio. Ainda sobre o contrato, o vínculo vai até dezembro deste ano, mas existe uma cláusula de permanência até 2025, dependendo de metas atingidas”, informou Gabardo no site GZH.

Grêmio descartou dois nomes

Neste domingo, depois da vitória de 1×0 fora de casa sobre o Brasil de Pelotas, pelo Gauchão, o técnico Renato Portaluppi garantiu com veemência que não há negociação por Gabigol e por Cavani, ao contrário do que disse setores da imprensa nos últimos dias. Renato classificou como “barrigada” especialmente a informação do interesse no centroavante uruguaio, que tem mais um ano de contrato com o Boca Juniors, da Argentina.

Leia mais notícias:

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas