fbpx

Postulante à presidência do Grêmio diz ter “projeto muito bom” e faz mistério: “Não sei se vai eu ou o Danrlei”

Alberto Guerra, ex-diretor de futebol, tem ensaiado uma possível candidatura à presidência

Faltando menos de seis meses para o final do ano, a parte política do Grêmio começa a se agitar com a proximidade das novas eleições. De concreto, já se sabe que o atual mandatário Romildo Bolzan Jr, por questão de norma interna do clube, não pode mais concorrer. Assim, ele necessariamente vai interromper uma gestão que já dura 7 anos desde o começo de 2015.

Nas redes sociais, nomes começam a ensaiar uma possível candidatura como por exemplo o ex-diretor de futebol Alberto Guerra, que integrou a gestão Bolzan e saiu do cargo no fim de 2019. Nesta terça, Guerra voltou a fazer uma postagem na web ao lado do ex-goleiro Danrlei, provável integrante de sua chapa.

“Não sei se vai o Danrlei, eu ou outro que a assembleia decidir. O importante é que o projeto está muito bom para o clube!”, postou.

Em outro post feito recentemente, Guerra se posicionou sobre o assunto que preocupou os gremistas nos últimos dias: a possível saída de Kannemann, que vive reta final de contrato e ainda não foi chamado pela atual direção gremista para renovar. O antigo dirigente garante que o seu time em 2023 “começaria” pelo argentino:

Guerra, claro, espera, eventualmente em caso de vitória na eleição, receber o Grêmio na Série A. Para isso, o clube segue buscando vitórias na Série B e o próximo desafio é sábado, 16h30, diante do Tombense, na Arena.

CLIQUE NAS MANCHETES ABAIXO PARA LER MAIS NOTÍCIAS SOBRE O GRÊMIO:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas