Maicon volta a detonar Dourado, diz não saber o seu atual clube e desafia: “Aposto R$ 100 mil”

Ex-volante do Grêmio voltou a detonar o ex-jogador do Inter em entrevista

A velha rivalidade criada entre Maicon e Rodrigo Dourado ganhou um novo capítulo nesta segunda-feira, quando o ex-capitão do Grêmio contou novamente a sua versão dos fatos em entrevista ao Charla Podcast. Tudo começou após o Gre-Nal vencido pelo Inter por 1×0, com gol de Edenilson, no Beira-Rio, em duelo válido pelo segundo turno do Brasileirão de 2018.

Maicon havia ficado de fora desta partida por uma opção do técnico Renato Portaluppi em preservá-lo para as partidas seguintes. Porém, o ex-volante foi ao Beira-Rio para apoiar os colegas e esteve presente na confusão entre os vestiários após o confronto:

Veja também:
1 De 6.125

“Quando acabou o jogo, fui para a entrada do vestiário para cumprimentar os caras. O jogo foi bom, perdemos de 1×0. Os jogadores vinham passando e eu: ‘Valeu, valeu, vamos pro próximo’. Aí passou um jogador deles e disse: ‘Aqui dentro tem que respeitar’. E eu disse: ‘Vai tomar naquele lugar’. Começou a confusão. Aí o cidadão aí, que achou que estava por cima, foi pra zona mista e citou o meu nome. Ele falou que eu nem joguei, que fugi do jogo e tal. Eu queria jogar, o Renato que me deixou de fora. Mas falei ‘tá bom, no outro dia eu mostro para ele qual jogo eu fugi’. Eu tinha mais três anos de contrato, iríamos nos enfrentar outras vezes e poderíamos ver quem era o melhor”, declarou Maicon, antes de ampliar:

“Aí quando o cara me perguntou na coletiva eu já vim descendo a ripa. Eu tinha ganho um jogo dele de 5×0. Não tinha levado papel pra entrevista nem nada. O HD é bom. Teve o 5×0, teve uns 3×0 nas quartas do Gauchão, ganhamos na casa deles também. Ripa atrás de ripa, madeirada. Joguei 19 clássicos e perdi dois. Não tem como. As coisas que eu ganhei lá… e ele ganhou dois estaduais. Não sei nem onde ele está jogando. Tá de brincadeira. Falei para ele para pegar um fisioterapeuta bom para dar uma regulada no pé e ajeitar, porque a única coisa que ele fazia no time era bola aérea. Ficava só cabeceando, não produzia nada. Acho que ficava em casa na escada só cabeceando”.

Maicon desafia Rodrigo Dourado

Dourado, que atualmente joga no Atlético San Luis, do México, ainda foi desafiado por Maicon para uma partida de futevôlei:

“Nunca encontrei ele, nem vai ter. Ele não me ganhou nas quatro linhas, não vai ser fora, né? Futevôlei? Pô, isso aí então não tem como. Faz o desafio aí, pô. Manda ele escolher um deles lá e eu escolho o meu. Até 100 mil reais dá para apostar”, finalizou o ex-camisa 8 gremista.

Leia mais notícias:

Acesse o canal do nosso WhatsApp e ative o sininho para receber notícias:

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas