A “ameaça” de Renato à imprensa se nomes como Gabigol e Cavani forem novamente especulados

Treinador não está gostando da postura da imprensa na divulgação de possíveis reforços

Publicidade

O técnico Renato Portaluppi não está satisfeito com a forma como a imprensa vem cobrindo o “mercado” do Grêmio. Incomodado com especulações, o treinador descartou veementemente as possíveis chegadas de Gabigol e Cavani, que foram nomes citados por diferentes jornalistas nos últimos dias como alvos do clube. Renato, porém, admite que o tricolor segue buscando um camisa 9 de mais peso para reforçar o grupo.

Porém, deixou claro: se a imprensa seguir “inventando” nomes, ele vai se sentir no direito de “mentir” quando for perguntado em coletiva.

“Vocês pegam a informação, jogam no ventilador e não querem saber se é verdade ou mentira. Aí ilude o nosso torcedor com coisas que não saíram do Grêmio. Não toquem mais nesses dois nomes, que não tem possibilidade nenhuma de serem contratados. Não inventem, por favor. Daqui a pouco, vamos ter que mentir para vocês também. E aí fica ruim”, reclamou Renato neste domingo.

Durante este domingo, a informação do interesse em Cavani foi dada pelo jornalista do Diário Olé, da Argentina, Juan Pablo Méndez – saiba mais aqui. Em relação a Gabigol, quem bancou a notícia do interesse foi o narrador da Rádio Gaúcha, Pedro Ernesto Denardin, que acabou sendo rebatido ao vivo no sábado pelo presidente Alberto Guerra.

Renato reencontra Roger

Após a vitória de 1×0 sobre o Brasil de Pelotas neste domingo, fora de casa, o Grêmio pulou para o 3° lugar do Gauchão com 6 pontos ganhos em três jogos. Na quarta, o desafio será na Arena, às 21h30, diante do Juventude, de Roger Machado.

Saiba mais:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)