Zagueiro do Grêmio segue no RS e terá que se deslocar de ônibus para a reapresentação

Tricolor deverá reunir os jogadores novamente em São Paulo

Publicidade

O Grêmio ainda irá confirmar oficialmente, mas tem tudo encaminhado para se reapresentar e treinar no CT do Corinthians e mandar os seus jogos no Couto Pereira, estádio do Coritiba, em Curitiba, até que a situação do Rio Grande do Sul volte ao normal. A maioria dos atletas já está fora do RS e o clube deverá promover a sua reapresentação nesta semana já em São Paulo.

O site GZH, porém, detalha que o zagueiro Rodrigo Ely, por ter família no Rio Grande do Sul, permanece no estado gaúcho. Ele deverá se deslocar de ônibus para algum estado vizinho onde consiga pegar um voo até São Paulo:

“O zagueiro Rodrigo Ely é um dos poucos que ainda estão no RS. Parte família do atleta está no Vale do Taquari. Para sair do RS, o atleta deve ir de ônibus até Florianópolis ou Curitiba e depois rumar ao destino final. O trajeto rodoviário feito pelo defensor também deve ser adotado por membros da comissão técnica e do estafe que ainda estão em solo gaúcho”, relatou o site nesta quarta.

Grêmio quer voltar ao RS o quanto antes

Veja também:
1 De 5.921

Em entrevista concedida à Rádio Gre-Nal nesta quarta-feira, o vice-presidente gremista Eduardo Magrisso falou das decisões que o clube está tomando e confirmou que o desejo é voltar ao Rio Grande do Sul assim que for possível:

“Só existe um lugar que o Grêmio quer jogar: na Arena, ao lado do seu torcedor. Não existe no Rio Grande do Sul nenhum local para receber um jogo de futebol com a magnitude de uma Libertadores. O Grêmio voltará ao Rio Grande do Sul quando houver condições de realizar jogos no estado”, destacou o dirigente.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas