fbpx

Triste pela saída de Maicon, Renato fala da má fase do Grêmio e afirma: “Deveriam ter pensado mais nele”

À Rádio Gaúcha, atual treinador do Flamengo mostrou sinceridade ao responder sobre o volante

Em depoimento enviado ao programa “Show dos Esportes”, da Rádio Gaúcha, o atual técnico flamenguista Renato Portaluppi admitiu ter ficado “triste” com a saída de Maicon do Grêmio e indicou, ao mesmo tempo, que pessoas do clube “deveriam ter pensado um pouquinho mais nele”.

“É um jogador que, com a sua experiência e com o seu futebol, tenho certeza de que poderia ajudar muito ainda o Grêmio, tanto na Copa do Brasil e, principalmente, no Campeonato Brasileiro. Então, é com muita tristeza que eu recebo essa notícia, de que o Maicon deixou o Grêmio”, lamentou Renato, antes de ampliar:

“Eu acho que as pessoas deveriam ter pensado um pouquinho mais, ter dado um pouquinho mais de atenção, até pelo currículo do Maicon no Grêmio, pelo que ele representa perante o grupo e pelo futebol que ele joga. Fico triste. Fico triste, mesmo. Principalmente num momento delicado como esse que o Grêmio está passando”.

Renato foi o comandante gremista de setembro de 2016 a abril de 2021 e teve Maicon como referência técnica principalmente nos seus primeiros três anos de comando. E foi neste período que vieram os principais títulos: Copa do Brasil, Libertadores e Recopa Sul-Americana.

Maicon, em sua coletiva de despedida ao Grêmio na última quarta, declarou que ainda não vai se aposentar e que jogará por outro clube em 2022, quando já terá 36 anos.

Confira alguns detalhes do que disse Maicon na entrevista de quarta:

PROVOCAÇÕES AO INTER:

“As minhas desculpas são para dentro do clube. Se alguma vez eu passei do ponto. Peço para as pessoas que conviviam comigo. Sobre provocações em clássicos, isso faz parte do futebol. Saio do Grêmio, mas tem outros jogadores aqui que vão fazer. E do lado deles, quando ganharem, também vão fazer. Respeito todos os profissionais de todas as equipes, mas a que eu defendo eu vou lutar sempre. Aqui é minha casa”

AJUDAR O ELENCO DO GRÊMIO ATÉ O FIM DO ANO:

“Me desligar do Grêmio, nunca mais vai acontecer. Não tem como. Vou voltar para o Rio de Janeiro, na minha casa. Mas vou pedir para, até o fim do ano, ficar no grupo do WhatsApp. Quem sabe ajudar com um comentário, um áudio. Vou ver todos os jogos e seguir torcendo. Eu joguei apenas quatro jogos do Brasileiro. Isso me incomodava muito. Eu vou seguir mandando mensagens para os caras. Me desligar do Grêmio nunca mais, não tem como, impossível”

PEDIDO DE DESCULPAS AO ÁRBITRO RICARDO MARQUES RIBEIRO:

“Eu queria pedir desculpa ao Ricardo (Marques Ribeiro). Me excedi demais. Pedir desculpa ao Fábio Santos, ao Cássio e a outros jogadores do Corinthians que me seguraram. Eu passei do ponto naquele momento.

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas