Suárez, público e promessa rival: três informações sobre Grêmio x Vasco no domingo na Arena

Confira alguns detalhes da preparação de Grêmio e Vasco para o encontro de domingo

Publicidade

A vitória de 2×1 sobre o Goiás nesta quinta-feira, obtida de virada, garantiu matematicamente o Grêmio, do atacante Luis Suárez, na próxima Libertadores. Mas o time ainda quer mais nas duas rodadas que restam no Brasileirão. Em 5° com 62 pontos na tabela, o tricolor ainda sonha com o G4 e quer tirar a diferença de 1 ponto para Flamengo, Atlético-MG e Botafogo – todos com 63 pts.

O adeus de Suárez

Pela frente, o Grêmio tem o ameaçado Vasco da Gama, no domingo, a partir das 18h30, na Arena. Sem mais mistério por fazer, o próprio técnico Renato Portaluppi, na sua última coletiva de imprensa, confirmou que este será o último jogo do centroavante uruguaio na frente da torcida tricolor em Porto Alegre.

“O Suárez é um grande profissional. Chegou quietinho no começo da temporada, foi se soltando, começou a brincar e nos ajudou muito. Fico feliz de ter trabalhado com este grande jogador da história. É uma tristeza a saída dele, mas foi um prazer. Ele vai deixar um vácuo muito grande no time”, afirmou o treinador.

Arena vai lotar

No final da manhã desta sexta, dia seguinte à vitória sobre o Goiás, a Arena informou que todos os ingressos foram vendidos para Grêmio x Vasco. A expectativa de público para o confronto, porém, só será divulgada na véspera da partida.

Mas existe uma expectativa de público superior a 50 mil pessoas, principalmente por se tratar do último momento de Suárez em Porto Alegre. Em 2023, o jogo do Grêmio em casa com mais torcedores foi na derrota de 2×0 para o Flamengo na semi da Copa do Brasil, com 52.932 presentes.

Vasco cai?

Faltando duas rodadas, o Vasco aparece no 16° lugar com 42 pontos, apenas 1 ponto a mais que o Bahia, que hoje seria o primeiro rebaixado. Mesmo ciente do quadro delicado, o técnico vascaíno Ramón Díaz diz estar convencido de que o time carioca não vai cair:

“O futebol muda muito rápido. Quando pensa que alguém não pode se levantar, se levanta. Pode acontecer tudo. Uma equipe conseguir pontos e se salvar. Disse que estava orgulhoso do que fizemos e temos que ter dignidade de lutar até o final. Estou convencido de que não vai cair. Ainda há seis pontos em disputa e temos que esperar os jogos das outras equipes. Vamos esperar os outros resultados”, frisou Ramón depois da recente derrota em casa para o Corinthians.

Leia mais do Grêmio:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)