fbpx

Presidente do Sport confirma saída e detona Lisca, que assumirá o comando do Santos: “Deveria ter hombridade”

Ex-treinador colorado ficou apenas três semanas no comando do time do Recife

Lisca não é mais treinador do Sport. O ex-comandante colorado deixa o clube após cerca de três semanas de trabalho e, agora, tem caminho livre para assumir o Santos. Em pronunciamento na tarde desta terça-feira, o presidente do Sport, Yuri Romão, deu a versão da diretoria pernambucana sobre o episódio e falou duras palavras contra a atitude do técnico:

“Tudo isso denota uma atitude antiética do treinador, que prejudicou não só o projeto. Eu falo de projeto porque quando fomos contratar, ele fez questão de conversar comigo e falamos do projeto de chegar a Série A. Inclusive de ele permanecer após o acesso. Recebemos há pouco o comunicado oficial assinado por ele em que ele pede a demissão do Sport”, disse, antes de ampliar:

“Ele deveria ter a hombridade de nos procurar e dizer a verdade, que ele está faltando com a verdade. Não só comigo, não só com nossa diretoria e instituição, mas também com nosso torcedor que tanto o abraçou. No quesito respeito, hombridade, ética, ele está do outro lado do alambrado. Ele pulou o alambrado”.

No momento, o Sport é o 5° e é quem está mais perto do Grêmio, tendo 27 pontos contra 32 dos gaúchos. Lisca, na segunda-feira, logo depois do empate em casa contra o Vila Nova, garantiu que não havia sido procurado pelo Santos, e lamentou a postura da torcida no jogo na Ilha do Retiro.

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas