Presidente do Grêmio minimiza estreia na Libertadores entre as finais do Gauchão: “Primeiro, temos que passar”

Alberto Guerra se manifestou sobre o sorteio da fase de grupos da Libertadores

Publicidade

Presente na cerimônia do sorteio da fase de grupos da Libertadores no Paraguai, o presidente Alberto Guerra avaliou que o Grupo C, com Grêmio, Estudiantes, The Strongest e Huachipato, é uma chave “competitiva” e que deverá gerar “bons jogos”. A estreia do tricolor deverá ser confirmada para a semana do dia 3 de abril, contra o The Strongest, na altitude de La Paz, na Bolívia.

“Não tem jogo fácil. Quem quer ganhar Libertadores, não escolhe rival. É um grupo competitivo. Campeão chileno, campeão boliviano e um time argentino que é sempre um clássico. Vai ser interessante, com bons jogos e esperamos fazer boas partidas para se classificar em boa colocação”, disse o presidente do Grêmio, em entrevista concedida à Rádio Gaúcha.

O jogo diante do The Strongest, abrindo a caminhada gremista na Libertadores, será entre as finais do Gauchão. Guerra, porém, minimizou o fato e lembrou que o tricolor precisa ainda confirmar a sua vaga diante do Caxias – na ida da semi, o Grêmio venceu por 2×1 fora de casa e joga podendo empatar a volta, na Arena, dia 26, às 21h.

“Primeiro, temos que nos classificar para as finais, respeitando o Caxias. Temos um segundo jogo e não há jogo jogado. Temos que nos concentrar em passar para a final. A consequência disso será viajar para a Bolívia entre os jogos das finais, mas esse é o ônus do clube grande que quer ser campeão da América e novamente do Gauchão, que seria o nosso hepta. Temos um hepta estadual na história e queremos repetir”, afirmou.

“Toda vez que o Grêmio entra desacreditado, a gente entra melhor. Quando fomos favoritos, não comprovamos muito. Somos clube de massa, grande, acostumado com Libertadores. Temos a cara da Libertadores. É um campeonato longo, podemos agregar talentos. Termina lá no fim do ano. Temos que enfrentar cada fase da melhor forma possível para buscarmos esse título”, acrescentou o mandatário do Grêmio.

Renato falou depois da vitória do Grêmio
Renato comandará o Grêmio em mais uma Libertadores – Foto: Lucas Uebel/Grêmio

A provável caminhada do Grêmio no Grupo C da Libertadores

  • The Strongest (F) – 2 a 4 de abril
  • Huachipato (C) – 9 a 11 de abril
  • Estudiantes (F) – 23 a 25 de abril
  • Huachipato (F) – 7 a 9 de maio
  • Estudiantes (C) – 14 a 16 de maio
  • The Strongest (C) – 28 a 30 de maio

Todos os grupos da Libertadores de 2024

Grupo A: Fluminense, Cerro Porteño, Alianza Lima, Colo-Colo
Grupo B: São Paulo, Barcelona-EQU, Talleres, Cobresal
Grupo C: Grêmio, Estudiantes, The Strongest, Huachipato
Grupo D: LDU, Junior Barranquilla, Universitário, Botafogo
Grupo E: Flamengo, Bolívar, Millonarios, Palestino
Grupo F: Palmeiras, Independiente Del Valle, San Lorenzo, Liverpool-URU
Grupo G: Peñarol, Atlético-MG, Rosario Central, Caracas
Grupo H: River Plate, Libertad, Deportivo Táchira, Nacional

Grêmio de volta após dois anos

A temporada de 2024 marca o retorno do Grêmio à Libertadores após duas temporadas de ausência. Na última vez que participou, o tricolor acabou caindo na fase prévia diante do Independiente Del Valle, do Equador. Em 2022, esteve na Série B e em 2023 conquistou a vaga sendo vice-campeão do Brasileirão, atrás apenas do Palmeiras. Tricampeão continental, o tricolor venceu o badalado torneio pela última vez na temporada de 2017 em final ganha sobre o Lanús, da Argentina.

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO GRÊMIO:

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul