fbpx

Maicon lembra bastidores de Real Madrid x Grêmio e cita jogador rival que mais impressionou: “Era só rezar”

Volante entrou no final do segundo tempo da final do Mundial de Clubes do ano de 2017

Em recente entrevista concedida ao podcast Fora do Jogo, no YouTube, o ex-volante gremista Maicon foi perguntado sobre a final entre Grêmio x Real Madrid no Mundial de Clubes de 2017 e deu alguns detalhes de bastidores. Segundo ele, os jogadores do clube gaúcho se impressionaram até mesmo com a qualidade da batida de bola dos rivais do time espanhol.

Como voltava de lesão, Maicon permaneceu no banco e só entrou no jogo na reta final. Tempo suficiente para admirar ainda mais a qualidade do meia rival Modric:

“Era rezar para os caras estarem em um dia ruim, nós num dia muito bom e tentar. A gente não levou muito perigo para os caras. Eles estavam em um nível muito alto. A batida na bola deles é diferente. Eu vendo o Modric aquele dia… pô, esse cara joga muita bola. Tu toca até no cara pra ver se é de verdade”, comentou Maicon.

De fato, o Grêmio pouco conseguiu levar perigo ao gol espanhol, mas até hoje lamenta um suposto pênalti não marcado em Ramiro em lance com Sergio Ramos. O gol do título saiu de uma falta de Cristiano Ronaldo em que Barrios acabou abrindo a barreira, prejudicando a ação do arqueiro Marcelo Grohe.

Veja mais notícias sobre o Grêmio clicando nas manchetes logo abaixo:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas