Criticado pela torcida, João Pedro Galvão tem salário no Grêmio revelado por jornalista

Centroavante está emprestado até o fim de julho e não deverá permanecer

Com a lesão muscular de Diego Costa, que só deve voltar dentro de dois meses, o centroavante João Pedro Galvão está novamente tendo sequência como titular do Grêmio, mas as dificuldades de entregar resultados seguem grandes. Criticado pela torcida, ele poder perder a posição nas próximas partidas e vive fim de ciclo no clube, não devendo permanecer depois do final de julho, que é o prazo final do seu contrato.

De acordo com informações do jornalista Eduardo Gabardo, da Rádio Gaúcha, o Grêmio pensa em utilizar o salário de João Pedro Galvão, na casa de R$ 850 mil por mês, para investir em algum outro jogador da posição. O centroavante Pedro Raul, do Corinthians, no momento, está descartado.

Veja também:
1 De 6.124

“Nós estamos de olho na janela. Sabemos da importância de reforçar, ainda mais por precisarmos de mais grupo com jogos acumulados. Precisamos de um grupo mais qualificado para enfrentarmos todas essas situações”, destacou o presidente Alberto Guerra.

JP Galvão se manifesta após Grêmio 1×2 Botafogo

Mais uma vez titular do Grêmio neste domingo, JP Galvão passou em branco na derrota de 2×1 para o Botafogo, no Espírito Santo, pelo Brasileirão. Depois da partida, ele concedeu entrevista à Rádio Imortal e falou do momento delicado do clube, que ingressou na zona do rebaixamento:

“É uma situação complicada por estarmos há muito tempo fora de casa, longe do nosso torcedor, que sempre foi um diferencial pra nós. Agora é ter tranquilidade, tentar acertar, não dá tempo de pensar muito, virar a chave, pensar no próximo jogo e ir atrás da vitória. As críticas fazem parte do futebol quando o resultado não vem. Temos que ser maduros de entender que o momento não é bom para melhorar e reverter”, lamentou.

LEIA MAIS:

Acesse o canal do nosso WhatsApp e ative o sininho para receber notícias:

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas