Grêmio ganha reforço inesperado em seus cofres com venda de ex-zagueiro; saiba valores

Direção gremista celebra a entrada de um recurso que, inicialmente, não era previsto

Publicidade

A direção do Grêmio está recebendo um reforço em seus cofres a partir da negociação em definitivo do seu ex-zagueiro, Rodrigues, ao San José Earthquakes, que disputa a MLS nos Estados Unidos. O jogador havia sido emprestado ao time norte-americano em agosto de 2022. Como agradou, teve os seus direitos recentemente adquiridos em definitivo.

A cláusula para compra dos direitos estava em 700 mil dólares, o que, pela cotação atual, chega a R$ 3,3 milhões. No momento do empréstimo, ainda no ano passado, o tricolor já havia faturado 500 mil dólares em duas parcelas — cerca de R$ 2,5 milhões na cotação da época da negociação.

Com a camisa do San José, Rodrigues disputou 45 partidas e tem um gol marcado. Já pelo Grêmio, onde também chegou a atuar improvisado de lateral-direito, foram 91 jogos e quatro gols. Ele foi lançado no time principal gremista exatamente pelo técnico Renato Portaluppi.

Grêmio evita marcar data para novos reforços

Em paralelo, o Grêmio segue buscando novos reforços além dos já apresentados Dodi, que é volante e Soteldo, meia-atacante. Ambos chegaram do elenco do Santos, rebaixado de forma inédita no último Brasileirão.

“Temos que saber enfrentar a janela de transferências em vários momentos. Alguns chegarão em dezembro, outros em janeiro, mas também no final da janela. É importante ter uma margem, observar a pré-temporada e o Gauchão para saber se teremos de ir ao mercado para outra necessidade. Não acho que seja estrategicamente correto contratar todos em dezembro”, comentou o presidente Alberto Guerra à Rádio Gaúcha.

O primeiro desafio do Grêmio em 2024 será o Gauchão, lutando pelo sétimo título consecutivo. Depois, o calendário ainda apresenta fase de grupos da Libertadores, Copa do Brasil e Brasileirão.

LEIA MAIS DO GRÊMIO:

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas