fbpx

Expulsão, jogos ruins e polêmica com a torcida: Douglas Costa repete nos EUA os mesmos erros do Grêmio

Meia-atacante de 31 anos não tem conseguido se destacar com a camisa do Los Angeles Galaxy

Após sair com a imagem arranhada do Grêmio, tendo colecionado polêmicas no ano do rebaixamento do clube, Douglas Costa não tem conseguido recuperar o futebol nos Estados Unidos. E, de quebra, repete no Los Angeles Galaxy muitos dos equívocos cometidos em Porto Alegre em 2021. A parte extracampo, por exemplo, já passa a incomodar a torcida norte-americana.

Suspenso por três jogos após acertar uma cotovelada em jogador do Minessota – reveja a agressão aqui -, Douglas foi visto no final de semana publicando foto em uma área de lazer enquanto, em campo, seus colegas tinham partida diante do Los Angeles FC.

https://twitter.com/LAG_TX/status/1546218919425359873

Em campo, os números também decepcionam. Ele fez 13 jogos na temporada, sendo que em apenas dois conseguiu jogar os 90 minutos. A parte física do atleta, que tem 2 gols e nenhuma assistência, é alvo de crítica da imprensa local:

“Ele ainda tem de alcançar o condicionamento físico ideal. Quando jogou, faltou ritmo para superar os adversários ou ter criatividade para superar as defesas. (Sobre o fim de semana) Pode ter sido um passeio inofensivo. Entretanto, fica ruim um jogador que está suspenso depois de uma atitude imatura. Talvez, Costa esteja assinalando que os dias dele em Los Angeles estivessem contatos”, disse Mike Gray, repórter do site thestriker.com, ao portal GZH.

Já visado nos EUA, Douglas Costa mantém contrato com o atual clube até 2023. No Grêmio, ele chegou a iniciar a pré-temporada em janeiro, quando teve Covid-19 e perdeu os primeiros treinos. Mas, por questão financeira, tanto a direção como o atleta concordaram em rescindir.

Clique nas manchetes abaixo para ler mais notícias sobre o Grêmio:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas