fbpx

Vidente? Torcedor colorado acerta até quem faria os gols e vira alvo de brincadeira de Pedro Henrique

Pedro se destacou com um gol no segundo tempo e foi um dos nomes da classificação do Inter

Um torcedor colorado viralizou nas redes sociais pela profecia feita horas antes de Inter 4×1 Colo-Colo, no Beira-Rio, pela volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Além de ter acertado o placar do jogo em seu palpite, ele ainda acertou na mosca os quatro autores dos gols decisivos rumo à classificação: Alan Patrick, Edenilson, Alemão e Pedro Henrique.

Este torcedor foi mostrado durante a edição do Globo Esporte, da RBSTV, nesta quarta-feira, que também contou com a participação do atacante Pedro Henrique. “Tchê, nas casas de apostas esse daí deve ter ganho muito dinheiro”, brincou Pedro, entre gargalhadas. Veja a partir de 9:40 do vídeo abaixo:

Pedro também foi o jogador do Inter designado a dar coletiva de imprensa ao lado do técnico Mano Menezes após a classificação. Nela, o atacante falou dos próximos passos do time na temporada e projetou mais jogos decisivos:

“Quando se ganha, não está tudo certo. Quando se perde, não está tudo errado. Manter esse equilíbrio, ter a consciência que podemos fazer melhor. Nas duas competições, obviamente. O resultado era adverso e a gente teve cabeça no lugar. Pela grandeza do Internacional, todas as competições que joga, desde o Gauchão, até competições nacionais e internacionais, o Inter entra como candidato. Mas isso precisa ser construído e a gente vem construindo isso, passo a passo”, comentou.

Antes de voltar a pensar nas quartas da Sul-Americana, onde enfrentará Melgar ou Deportivo Cali, o Inter se concentra agora no Brasileirão. O próximo rival é o América-MG, segunda, 20h, no Beira-Rio.

Veja mais: o apoio de mais de 40 mil colorados antes, durante e depois da vitória sobre o Colo-Colo no Beira-Rio:

Clique nas manchetes abaixo para ler mais notícias sobre o Inter:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas