Tem chance? A posição dos dirigentes do Grêmio sobre os rumores envolvendo Di María

Meia-atacante argentino vive reta final de contrato com a camisa do Benfica, de Portugal

Publicidade

Um nome agitou bastante a torcida do Grêmio nas últimas horas pela possibilidade de, quem sabe, vir a reforçar o elenco: Ángel Di María. O meia-atacante argentino de 35 anos tem contrato com o Benfica, de Portugal, apenas até junho de 2024. Isso, na prática, quer dizer que ele já poderá, por lei, assinar um pré-vínculo com qualquer outro time em janeiro.

De acordo com informações dadas pelo portal GZH, Di María foi oferecido ao Grêmio por meio de empresários. O clube ainda não avançou nas tratativas e, nas palavras dos dirigentes, considera o negócio como “inviável no momento”.

Em 2022, Di María foi campeão da Copa do Mundo com a camisa da Argentina e posteriormente resolveu voltar ao Benfica, onde vem tendo boa presença nos jogos da atual temporada. Também não está descartado que renove o seu contrato no clube português. No continente sul-americano, seu início de trajetória foi no Rosario Central, da Argentina.

Grêmio quer manter nível alto de reforços

Sem mais a badalada e ilustre presença de Luis Suárez, já anunciado pelo Inter Miami, dos Estados Unidos, o Grêmio espera conseguir a contratação de outro nome de impacto para 2024. Nisto, Di María se encaixa, embora não seja centroavante. Para futuras contratações, o tricolor segue contando com parceiros comerciais importantes, como o empresário do ramo do arroz, Celso Rigo.

Leia mais do Grêmio:

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul