Técnico revela que Suárez não jogou a última partida por problema que era comum no Grêmio

Atacante Luis Suárez deixou muitas saudades no tricolor pelo que fez em 2023

Publicidade

Nome até hoje lembrado com muito carinho pela torcida do Grêmio, Luis Suárez foi desfalque no recente amistoso do Inter Miami, que segue em turnê fazendo jogos preparatórios para a temporada nos Estados Unidos. Nem o ex-goleador gremista nem o astro Lionel Messi foram a campo na goleada por 4×1 contra o Hong Kong All-Stars, neste domingo (4).

Gerardo Martino, treinador argentino do time de Miami, concedeu coletiva e explicou as razões da ausência dos dois craques. Suárez, segundo ele, não foi para o gramado por conta de um problema bastante vivenciado em 2023 no Grêmio: as dores no seu joelho.

“O Leo (Messi) está com uma inflamação no adutor e estamos lidando com isso no dia a dia. Sempre temos a expectativa de que possa evoluir da forma adequada. A equipe médica afirmou que era muito arriscado (ele jogar). No caso de Luis (Suárez) o problema é no joelho”, contou Martino, em declaração recuperada pelo site da ESPN Brasil.

“Compreendemos a decepção das pessoas por não verem Messi e Suárez em campo. Mas corremos o risco de agravar a lesão e por isso tomamos essa decisão junto à equipe médica”, acrescentou o treinador.

Suárez no adeus ao Grêmio
Suárez no adeus ao Grêmio – Foto: Lucas Uebel/Divulgação

Suárez, mesmo com as dores, ainda não pensa em parar

Atualmente com 37 anos, Suárez ainda não apontou uma possível data de aposentadoria e espera seguir “desfrutando” do futebol, agora em uma liga menos competitiva e de menos jogos e viagens que o Brasil. Pelo Grêmio, foram 54 partidas, 29 gols e 17 assistências no ano passado.

Leia mais:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)