fbpx

Potter avalia que as “desculpas” dos jogadores do Inter por más atuações acabaram: “Agora tem que jogar pra c…”

Comunicador colorado entende que os jogadores do Inter estarão mais pressionados agora

A postura dos jogadores do Inter nesta quarta-feira, demonstrando publicamente a insatisfação com a direção pelo atraso no pagamento dos direitos de imagem, vai ampliar a pressão sobre eles próprios para que tenham melhores atuações. Esta é a análise do jornalista e comentarista colorado, Luciano Potter, que compreendeu que as “desculpas” acabaram para o atual plantel.

Em relação às críticas da torcida, Potter entende que as reclamações seriam somente para a direção caso o time tivesse ganho do Atlético-GO na última segunda-feira, em casa, pelo Brasileirão:

“Se o Inter tivesse ganho do Atlético-GO, a opinião da torcida era outra. O torcedor vive de resultado. As lideranças de um grupo não levam reivindicações apenas das lideranças. Geralmente o líder é quem tem mais tempo de clube, quem tem mais dinheiro. Mas as demandas não são só delas. Repito: 3×0 contra o Atlético-GO e a torcida só xingaria a direção”, disse Potter, no Sala de Redação, da Rádio Gaúcha, antes de ampliar:

“Os jogadores entraram em uma que agora não tem mais desculpa para um desempenho patético como foi contra o Atlético-GO. Agora tem que jogar pra c…, porque entraram na conta bancária ontem e já viram um monte de número zero”.

Duas das três parcelas pendentes foram pagas ainda na tarde de quarta-feira, segundo o presidente Alessandro Barcellos. Nesta quinta, pela manhã, o Inter voltou a treinar e o técnico Mano Menezes encaminhou o time titular que vai enfrentar o Bragantino, domingo, fora, às 19h. Reveja abaixo a nota conjunta dos atletas colorados sobre a polêmica:

Clique nas manchetes abaixo para ler mais notícias sobre o Inter:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas