Paulo Caleffi faz tatuagem para marcar passagem de Suárez pelo Grêmio: “Uma honra ter realizado”

Ex-vice de futebol gremista fez uma nova postagem em suas redes sociais

Publicidade

Vice-presidente de futebol do Grêmio na época da contratação de Suárez, Paulo Caleffi realizou uma tatuagem em seu braço para eternizar a passagem do uruguaio pelo clube em 2023. Ele, que foi demitido no meio da temporada pelo presidente Alberto Guerra, disse ter sido uma honra “ter realizado a maior contratação da história” gremista.

“É para não esquecer. Está na pele. Uma honra sem tamanho ter realizado a maior contratação da história do clube que amo. Essa NINGUÉM apaga…”, postou Caleffi.

https://twitter.com/p_caleffi/status/1734622059387331043

Caleffi, ao lado do então diretor de futebol Antônio Brum, viajou ao Uruguai no final de 2022 para efetivar a contratação. Antes, liderou negociações junto ao empresário e advogado de Suárez. A demissão de Caleffi no meio do ano foi por “desalinhamento” de ideias na condução do futebol, segundo o presidente Guerra.

Suárez com futuro indefinido

Autor de 29 gols em 54 jogos pelo Grêmio, além de 17 assistências, Suárez deu adeus ao Rio Grande do Sul na última sexta-feira com agradecimentos ao torcedor no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre. Sua ideia neste momento é descansar por um período com os familiares antes de definir o futuro, que poderá ser no Inter Miami, dos Estados Unidos, junto de seu grande amigo Lionel Messi.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)