O desejo de Everton Cebolinha para o Grêmio e a brincadeira feita pelo atacante no vestiário

Atacante teve um passado muito ligado ao Grêmio e fez valer a "lei do ex" neste domingo

Publicidade

Criado no Grêmio e jogador de grande destaque no tricolor especialmente entre 2018 e 2019, quando chegou à Seleção Brasileira, Everton Cebolinha brilhou pelo Flamengo neste domingo e fez valer a “lei do ex” no Maracanã abrindo o placar da vitória de 3×0, pelo Brasileirão. No final do confronto, ele conversou com os repórteres presentes e reforçou o carinho pelo time gaúcho.

Everton, no entanto, encarou com bom humor o gol marcado ao dizer que a “lei do ex não falha nunca”. E desejou ao Grêmio uma rápida retomada no caminho das vitórias:

“Venho tendo oportunidades, sou um dos jogadores do elenco que mais joguei no ano, líder de assistências. Brinquei com meus colegas que a lei do ex não falha nunca. Até falei: ‘Não é possível que na minha vez vai falhar’. Mas fiquei feliz em rever eles. Espero também que o Grêmio possa logo reencontrar as vitórias”, declarou Everton, que comemorou normalmente o seu gol e ainda imitiou o Homem-Aranha para o filho.

“É diferente, é a primeira vez desde o meu retorno, é especial. Hoje defendo o Flamengo. Tenho respeito muito grande pelo Grêmio, que me projetou para o cenário brasileiro e mundial. Meu filho cobrou a comemoração do Homem-Aranha e fiz para ele, como já fiz em outros jogos”, disse, ainda no intervalo.

Histórico de Everton Cebolinha no Grêmio

Presente nos elencos que foram campeões da Copa do Brasil de 2016 e da Libertadores de 2017, Everton Cebolinha viveu o seu auge na Arena entre 2018 e 2019. A boa fase rendeu um ótimo contrato no Benfica, de Portugal, que o comprou do Grêmio por 20 milhões de euros em agosto de 2020.

LEIA MAIS:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)