fbpx

Johnny reaparece no Inter, abre caminho para vitória e deixa recado para quem fica no banco: “Hoje fui privilegiado”

Jovem volante colorado ganhou chance do técnico Mano Menezes neste domingo e correspondeu

Sem muitas chances de estar em campo até então com o técnico Mano Menezes, o volante Johnny foi opção no segundo tempo contra o Bragantino e correspondeu com belo gol neste domingo, em Bragança Paulista-SP, abrindo a vitória colorada de 2×0 pelo Brasileirão. O jovem jogador recebeu assistência de cabeça de Mauricio e mandou um chute potente de direita para as redes na entrada da área.

Após a partida, Johnny concedeu declarações à TV Inter ainda no gramado e falou do quanto se sentiu “privilegiado” por ter ido às redes. E deixou um recado para os outros que, assim como ele, estão sendo reservas neste momento da temporada:

“A gente vem trabalhando pra isso, não desistimos em nenhum momento do jogo e quem está no banco está preparado para entrar e dar o seu melhor. Hoje eu fui privilegiado com este momento e consegui ajudar a equipe. Nosso grupo tem muita qualidade, sabemos que devemos propor o jogo e usar a nossa forma de jogar. Agora é manter isso e almejar coisas boas durante o campeonato”, disse, antes de finalizar:

“É manter o nosso trabalho, ter tranquilidade, manter a nossa qualidade entro de campo, que vamos conseguir manter essa invencibilidade e quem sabe conquistar coisas boas”.

Com a vitória, o Inter quebrou um jejum de cinco partidas apenas empatando no Brasileirão e chegou aos 14 pontos agora no 7° lugar. O próximo desafio também é fora de casa, na quarta-feira, 21h30, diante do Santos, na Vila Belmiro.

Confira outras entrevistas do Inter depois do jogo de domingo:

Carlos De Pena, autor do segundo gol de pênalti: “Creio que nos primeiros minutos o Bragantino foi melhor. Depois evoluímos e fomos mais sólidos. Merecemos essa vitória e vamos embora contentes. Era um rival difícil. Precisávamos desses pontos importantes. As palavras do Mano no intervalo foram para continuar como terminamos a etapa inicial. Nosso segundo tempo foi muito bom. Estou bem. O professor é que manda. Foi uma decisão técnica. Há muitas partidas e não tem mistério nenhum”

Emilio Papaléo, vice de futebol: “Em primeiro lugar, quero enaltecer o desempenho, fizemos um belo jogo, fizemos uma atuação bem diferente do que no jogo contra o Atlético-GO. Isso prova que o grupo é maduro, tem foco e o que aconteceu durante a semana foi apenas um problema administrativo. Foi tudo resolvido em quatro horas, vida que segue. O episódio está superado. Demos uma manifestação de união”

Clique nas manchetes abaixo para ler mais notícias sobre o Inter:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas