Índio relembra o seu Gre-Nal marcante e lembra motivação no vestiário: “Ouvimos muita coisa”

Ex-zagueiro colorado costumava se dar muito bem nos clássicos gaúchos

Publicidade

Com uma longa e vitoriosa construída no Inter entre as temporadas de 2005 e 2014, o ex-zagueiro Índio tem bem claro na mente qual é o seu Gre-Nal favorito. Em entrevista às mídias coloradas nos últimos dias, o antigo atleta citou a final do Gauchão de 2011, dentro do Estádio Olímpico, como o seu clássico inesquecível até por todo contexto envolvido.

Na ida, o Inter, então treinado por Paulo Roberto Falcão, perdeu por 3×2 em casa e levou uma enorme desvantagem para o Gre-Nal decisivo na semana seguinte. Aquela, aliás, terminou como a última final da história do Olímpico e o colorado, que venceu no tempo normal por 3×2, ganhou posteriormente a taça através dos pênaltis.

“Para mim, o que marcou foi a final do Gauchão de 2011. A gente acabou não conseguindo o resultado em casa e fomos pro estádio deles com todo mundo dizendo que eles já eram campeões. Ouvimos muita coisa. Todo mundo detonando a gente. Foi o encerramento do estádio deles e nós fizemos a volta olímpica. Aquele dia marcou muito”, citou Índio.

Índio
Já aposentado, Índio vem dando algumas entrevistas – Foto: Reprodução/Twitter

Gre-Nal 441 ocorre neste domingo

A lembrança de Índio surge para aquecer os motores visando o novo Gre-Nal, de número 441, neste domingo, às 18h, no Beira-Rio, pela primeira fase do Gauchão. O Inter aparece com 22 pontos no primeiro lugar e o Grêmio vem logo atrás com 20 pts.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul