Bruno Henrique cita “grandes jogadores” no Grêmio, mas evita se preocupar com surpresas no rival

Confira os principais detalhes da coletiva dada por Bruno Henrique nesta tarde

Publicidade

Já vivendo o clima do Gre-Nal de domingo, a partir das 18h, no Beira-Rio, pelo Gauchão, o volante Bruno Henrique concedeu coletiva na tarde desta sexta no CT do Inter e tratou de diversos temas, como a expectativa para o clássico, o seu bom momento individual, elogios ao time adversário e possíveis surpresas na escalação do Grêmio no Beira-Rio. Acompanhe abaixo as suas principais falas:

Expectativa para o Gre-Nal

A expectativa é muito boa. É uma felicidade para qualquer jogador jogar um Gre-Nal. Espero fazer um grande jogo no domingo, ajudar a minha equipe e buscar a vitória. Não só eu, mas todo mundo vem fazendo um início muito bom no nosso elenco. O Coudet vem trabalhando bastante com a gente para que todos estejam 100%. Estamos focados, trabalhando sério e visando um grande jogo no domingo

Como encarar o Gre-Nal com a Copa do Brasil na quarta

Nós estamos encarando o Gre-Nal como ele sempre é encarado. Precisa ser encarado de uma maneira diferente. É um jogo grande e é o nosso maior rival. O nosso pensamento inicialmente é domingo. Paralelo isso, o outro jogo vai ser pensado depois de domingo. Temos vários jogadores disponíveis para a Copa do Brasil na quarta-feira. Tenho certeza que faremos um grande jogo lá também, independente de quem estará em campo

Evolução de Bruno Henrique no Inter de 2023 para 2024

Quando eu cheguei no ano passado, cheguei em uma transição de treinador e o time praticamente estava montado. Eu vinha parado pelo final da temporada na Arábia. E aqui faltavam quatro meses e meio para terminar. Por mais que eu tenha tido uma preparação física aqui, é difícil entrar no ritmo dos demais. E o time estava definido e encaixado. Jogando muito bem a Libertadores. São situações do futebol. Nas chances que tive no ano passado, tentei fazer o meu melhor. Busquei conhecer os meus colegas naquele momento. Sigo sempre buscando o meu espaço

Bruno Henrique cita "grandes jogadores" no Grêmio, mas evita se preocupar com surpresas no rival
Bruno Henrique vem crescendo no Inter – Foto: Roberto Vinicius/AGAFOTO/Zona Mista

Funções diferentes no meio

Não posso falar o time (risos). Mas são duas funções diferentes. Como segundo volante, na frente do Aránguiz, tenho essa função de pegar o jogo no meio, caindo para os dois lados, mas principalmente mais no meio. Pela direita, onde o Mauricio joga, caio mais para o lado. Principalmente na marcação, quando a bola está do outro lado, junto com o Aránguiz e o Alan Patrick para fazer a função. Muda um pouco o posicionamento, mas me sinto bem nas duas funções

Elogios de Bruno Henrique ao Grêmio

Temos um time forte, competente e um treinador muito bom. Mas uma das piores armadilhas que a gente pode cair é o favoritismo. Enfrentaremos uma grande equipe, com grandes jogadores do outro lado e é um clássico. Não podemos pensar que somos favoritos. É jogo grande, diferente e definido em detalhes. Temos um time forte, mas precisamos trabalhar muito, fazer um jogo intenso e inteligente para vencer. É isso que está sendo trabalhado

Inter evita pensar em surpresas no Grêmio

Nós temos que fazer o nosso papel. Temos uma característica de jogo que o nosso treinador sempre pede para a gente. Estamos trabalhando isso desde o ano passado. A nossa preocupação é fazer aquilo que a gente vem fazendo. Jogamos em casa e queremos buscar o resultado a todo momento. Independente do que o adversário faça. Respeitamos eles. É uma equipe grande, mas temos que fazer o nosso trabalho independente de quem vai estar em campo no Grêmio

LEIA MAIS DO INTER: