fbpx

Grêmio rejeitou a volta de jovem meio-campista, que pode ir para novo milionário do futebol brasileiro

Direção gremista disse alguns "nãos" na montagem do elenco no começo de 2022

De saída do Lommel SK-BEL, o jovem meio-campista Diego Rosa, de 19 anos, tem futuro em aberto para dar continuidade à carreira e o Bahia, impulsionado pela compra do Grupo City, pode ser um dos destinos do jogador. Formado na base gremista, o atleta inclusive teve a oportunidade de voltar ao clube no começo de 2022, mas esta não foi a vontade da direção, segundo o comentarista Cesar Cidade Dias, do Grupo Bandeirantes.

“No início de 2022, o Grêmio foi procurado pelo staff deste jogador (Diego Rosa): ‘Vamos tentar colocá-lo aí, a gente diminui bastante o valor dele’. Ele estava com problemas de adaptação na Bélgica, morando sozinho. Era Denis Abrahão, Sérgio Vásquez e Vagner Mancini, a frase foi: ‘Não serve pro Grêmio’. Em seguida, o Grêmio contratou o Benítez”, disse Dias no programa Os Donos da Bola – veja a partir de 48:00 do vídeo abaixo:

No entanto, o Bahia tem concorrência para ter o jogador como o Girona (Espanha) e Troyes (França), que são outros integrantes do projeto do City. Existe a possibilidade de Diego permanecer na Europa para seguir ganhando rodagem e novas experiências.

O negócio total do Grêmio na venda do atleta em 2020 pode até chegar a 23 milhões de euros desde que ele bata metas previstas em contrato, sendo uma delas a chegada ao elenco do próprio Manchester City.

Clique nas manchetes abaixo para ler mais notícias sobre o Grêmio:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas