Em plano que beneficiaria outros jogadores, Grêmio pensou em ideia “fora da caixa” para manter Suárez

Atacante, no entanto, resolveu deixar o clube e fará o último jogo contra o Fluminense

Publicidade

A partida que terminou com vitória do Grêmio por 1×0 sobre o Vasco da Gama, na Arena, foi, de fato, a última de Suárez pelo clube em Porto Alegre. Mas não foi por falta de tentativa da direção gremista que o jogador uruguaio não ficará para 2024, já que até mesmo uma ideia inovadora – que beneficiaria os outros atletas do grupo – foi ventilada nos últimos meses.

De acordo com texto do jornalista Jeremias Wernek, do site GZH, o Grêmio pensou em abolir as concentrações nos jogos em Porto Alegre para 2024 para dar ainda mais conforto e tempo com a familia para Suárez – e consequemente os outros atletas. Uma das críticas do camisa 9 ao futebol brasileiro é exatamente o excesso de viagens, jogos e concentrações.

Ainda segundo o mesmo repórter, a ideia pensada pela direção acabou não sendo colocada na mesa para Suárez, que se manteve convicto na decisão do meio do ano de não jogar mais pelo Grêmio em 2024. Ele, aliás, voltou a falar disso na coletiva de despedida neste domingo:

“Tenho uma carreira muito larga e acho que ganhei o direito de decidir, de dizer que basta, e poder decidir onde jogar, desfrutar dos meus filhos, da minha mulher, depois de um ano muito complicado que tive. Depois eu vou olhar para o Grêmio e lá onde eu estiver, sempre digo, eu serei um gremista a mais”, comentou.

Suárez
Suárez recentemente recebeu premiações na Assembleia do RS e na Câmara de Porto Alegre – Foto: Divulgação/Grêmio

Grêmio tem mais um jogo com Suárez

Brigando para assegurar a vaga no G4, já que agora é o 4° colocado do Brasileirão com 65 pontos, o Grêmio ainda terá Suárez na última rodada do campeonato. Todos os jogos serão na quarta-feira, 21h30, com o tricolor visitando o Fluminense no Rio de Janeiro.

Leia mais notícias:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)