fbpx

Goleiros do Inter se surpreendem com demissão de Pavan e novo preparador poderá ser profissional da casa

Processo de mudança na comissão estaria relacionado à permanência de Mano Menezes para 2023

Após duas décadas de serviços prestados ao Inter, sendo o preparador de goleiros do time profissional desde 2015, Daniel Pavan foi demitido do clube nesta segunda-feira, dia seguinte à derrota de 2×1 para o Palmeiras fora de casa pelo Brasileirão. O comunicado foi feito diretamente pelo executivo de futebol William Thomas.

Daniel, Keiller e Emerson Jr, que são os principais goleiros do clube atualmente, foram pegos de surpresa com a demissão e com a repercussão, segundo informações do repórter da Rádio Gre-Nal, Lucas Dias. A relação deles com Pavan no dia a dia era considerada muito boa.

A demissão deve abrir a “fila” de novas saídas, que devem incluir funcionários das áreas de preparação física e Departamento Médico. O processo de reformulação vem junto com as conversas já iniciadas para a renovação do técnico Mano Menezes para a próxima temporada.

Uma das opções para o cargo vago é Leonardo Martins, coordenador da preparação de goleiros da base colorada e auxiliar do técnico João Miguel no time sub-20. O Inter ainda não se manifestou oficialmente sobre eventual reposição a Daniel Pavan.

O profissional deixa o clube em meio à crescente corrente de críticas ao titular Daniel, que não vem sendo poupado por parte da torcida. Jogos em casa contra Botafogo e Colo-Colo, por exemplo, geraram vaias ainda com bola em andamento.

Clique nas manchetes abaixo para ler mais notícias sobre o Inter:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas