Ex-Inter, Diego Aguirre balança e pode ser demitido do Santos após mais uma derrota

Ex-treinador do Inter não está conseguindo dar bons resultados ao Santos

Velho conhecido da torcida do Inter, clube pelo qual jogou na época de atleta e depois treinou duas vezes, Diego Aguirre está balançando no comando do Santos e pode ser demitido do clube paulista nas próximas horas. Nesta quinta, a derrota de 3×0 em casa para o Cruzeiro ampliou a pressão em cima do uruguaio – ele já tem quatro derrotas em cinco jogos no alvinegro praiano.

Até porque o Santos segue mergulhado na zona do rebaixamento com 21 pontos, no 17° lugar, com quatro pontos atrás do primeiro time fora do grupo da queda. Uma reunião da direção nesta sexta definirá o futuro de Aguirre no Peixe.

Veja também:
1 De 6.090

“Não sei um adjetivo para falar da derrota de hoje, mas a responsabilidade obviamente é da comissão técnica, dos jogadores e de todos. Não tem um único culpado. Assim como quando você ganha tem alguns merecimentos e coisas que fez bem, na hora da derrota obviamente a comissão técnica tem responsabilidade, muita, mas é compartilhada. Temos de assumir”, disse Aguirre, em declaração recuperada pelo Globoesporte.

“Eu estou acostumado a trabalhar em times grandes, com pressão, em situações às vezes a favor, às vezes adversa. É um desafio muito importante. Eu sabia que o time estava na zona de rebaixamento. Eu peguei essa responsabilidade. E não estamos conseguindo tirar. É uma situação feia, incômoda, triste. Posso falar muitas coisas. Mas temos de tentar ganhar o próximo jogo para estar mais perto e pensar que tudo é possível. Mas jogos como o de hoje deixam a situação muito feia”, acrescentou.

Aguirre no Inter

Em 2015, Diego Aguirre conduziu o Inter ao título do Gauchão e à semi da Libertadores, tendo sido demitido dias antes de um Gre-Nal vencido por 5×0 na Arena, pelo Grêmio, pelo Brasileirão. Ele voltou em 2021, sem grandes resultados.

Leia mais DO INTER:

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas