Dois anos após deixar o Grêmio, Douglas Costa volta ao Brasil para atuar no Fluminense

Meia-atacante de 33 anos encaminhou o acerto com o Fluminense para 2024

Publicidade

Dois anos depois de rescindir oficialmente o seu contrato com o Grêmio, Douglas Costa está de volta ao futebol brasileiro para defender as cores do Fluminense. O vínculo com o clube carioca, que terá cláusulas de produtividade, será de um ano e meio. As informações foram dadas no começo da tarde desta segunda-feira pela reportagem do site Globoesporte.com.

Douglas Costa estava livre no mercado desde a saída do Los Angeles Galaxy, dos Estados Unidos, na reta final do ano passado. Ele chegou a encaminhar acerto com o Samsunspor, da Turquia, mas desistiu da negociação para acertar com o atual campeão da Libertadores.

O técnico do Fluminense, Fernando Diniz e o ex-centroavante Fred, que é diretor de planejamento do clube, entraram em contato e foram decisivos para a escolha de Douglas Costa em voltar ao Brasil. Anteriormente, times como Santos, Cruzeiro e Corinthians foram apontados como interessados no atleta, mas não avançaram nas negociações.

Douglas Costa fracassou no Grêmio em 2021

Contratado com status de estrela e muito festejado pela torcida, Douglas Costa voltou ao Grêmio em 2021, mas fracassou em campo e acumulou polêmicas fora dele. No total, o atacante canhoto fez 28 partidas naquela temporada pelo tricolor gaúcho, com três gols e duas assistências. No fim das contas, foi apontado como um dos pivôs do rebaixamento à Série B de 2022.

Na carreira, Douglas tem passagens também por Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, Bayern de Munique, da Alemanha e Juventus, da Itália. Em 2018, ele foi lembrado pelo técnico Tite e disputou a Copa do Mundo da Rússia pela Seleção Brasileira.

Leia mais notícias:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)