Pode chegar antes? Coudet responde sobre situação de Borré e projeta “grande grupo” no Inter

Atacante colombiano já foi anunciado oficialmente com a camisa do Inter

Depois da vitória de 1×0 sobre o Avenida, em casa, neste domingo, pelo Gauchão, o técnico Eduardo Coudet celebrou a janela de transferências feita até agora pelo Inter e projetou a chegada de mais jogadores. Um deles já é certo, caso do atacante Rafael Borré, restando saber apenas quando desembarcará em Porto Alegre para reforçar o plantel colorado de 2024.

Coudet foi perguntado sobre uma possível chegada antecipada de Borré, que está emprestado pelo Frankfurt ao Werder Bremen até o meio do ano – ambos são da Alemanha. No anúncio oficial do jogador de 28 anos, o Inter colocou a data de 10 de julho como limite para a sua chegada.

Veja também:
1 De 6.090

“A segurança que temos é que Borré vai chegar quando finalizar o seu contrato. Depois, as partes podem tentar um acordo para antecipar isso. Mas não sei. Seguramente, estamos buscando mais jogadores em diferentes posições. Não todos os nomes que aparecem, pois seriam uns 70 (risos). Vocês da imprensa sempre pegam algo, algo acertam. Estamos trabalhando para fechar contratações e sinto que vamos fazer um grande grupo”, citou Coudet neste domingo.

“Sei que estamos buscando mais jogadores, de diferentes posições. Sei que estamos trabalhando para fechar algumas contratações a mais. Sinto que vamos fazer um grande grupo, muito trabalhador, um grupo que quer mais. Sinto que temos trabalhado muito bem. Por isso, conseguimos fechar cinco jogadores praticamente antes do início. Sinto que estamos bem e que vamos fechar os jogadores que precisamos”, ampliou.

Antes de chegar ao time de Coudet

Enquanto isso, Borré segue disponível para o Werder Bremen, que surpreendeu na rodada deste final de semana da Bundesliga ao vencer o Bayern de Munique fora de casa por 1×0. O novo reforço colorado iniciou no banco de reservas e entrou aos 20 minutos da etapa final.

Em termos de valores, o Inter acertou pagamento parcelado para ter Borré junto ao Frankfurt por 6,2 milhões de euros (R$ 33,3 milhões) por 80% dos direitos do jogador e mais um bônus de até 15%. O vínculo será até o final de 2028.

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas