fbpx

Com elogios a Medina, Liziero não se importa em jogar na lateral e topa atuar até de zagueiro se for “pra ajudar a equipe”

Jogador deverá ser mantido como lateral-esquerdo para a estreia na Copa Sul-Americana

Sem Moisés, lesionado, o técnico Alexander Cacique Medina encontrou em Liziero uma solução momentânea para a lacuna na lateral-esquerda e gostou do que viu na vitória de 1×0 no Gre-Nal, na Arena, insuficiente para a classificação do Inter para a final do Gauchão. A tendência é que essa formatação de time seja mantida para a estreia na Sul-Americana, dia 6, 21h30, no Equador, contra o 9 de Octubre.

Em entrevista à TV Inter, o próprio Liziero disse não se importar em jogar improvisado e até se colocou à disposição para jogar de zagueiro “se for para ajudar a equipe”. O reforço trazido do São Paulo entende que o time segue evoluindo sob comando de Medina:

“A equipe segue evoluindo e cada vez mais pegando as ideias do professor, que é de propor o jogo. Precisei jogar pelo lado do campo, na lateral. Mas, pra mim, o mais importante é ajudar a equipe. Se tiver que jogar de zagueiro, não importa. Se for pra ajudar a equipe está valendo”, disse, antes de acrescentar:

“Desde a base eu tenho isso de jogar em várias posições. Isso ajuda muito porque dá pra mudar o esquema tático sem fazer substituição no jogo. Só mudando as peças. No treinamento, o professor ajuda orientando o que é pra fazer quando fico numa função que não sou acostumado”.

Na continuidade da entrevista, Liziero falou das características específicas da Sul-Americana e comentou o quanto uma boa estreia poderá ajudar o grupo na sequência do trabalho:

“A intensidade dos jogos da Sul-Americana é diferente. Os árbitros deixam os jogos correr mais que no Brasil. Precisamos usar a nossa técnica quando tivermos a bola. Sem ela, ser agressivo na marcação. Somando isso seremos fortes. Precisamos entender rápido a competição. É difícil jogar. Mas estamos nos preparando bem para isso. Só vamos enfrentar equipes de qualidade e precisamos começar bem, porque começando bem as coisas acontecem ao natural”, acrescentou.

 

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas