Com comissão técnica definida para quarta, Bolzan fala em “epopeia” para vencer o Fortaleza e manter Grêmio vivo

Jogo de quarta-feira passa a ser decisivo para os rumos do Grêmio dentro do Brasileirão

Assim como ocorreu entre a saída de Renato Portaluppi e a chegada de Tiago Nunes, o auxiliar permanente da comissão técnica e antigo técnico do time de transição, Thiago Gomes, comandará o Grêmio na partida de quarta-feira, 20h30, diante do Fortaleza, na Arena Castelão, pelo Brasileirão. Ele substitui o experiente Felipão, que, “em comum acordo” com a direção, saiu do clube horas depois da derrota de 1×0 para o Santos.

Agora na vice-lanterna com 23 pontos, a cinco do Santos, primeiro time fora do Z-4, o Grêmio, através do seu presidente Romildo Bolzan Jr, já reconhece a importância dos jogos que tem pela frente e fala em “epopeia” para tentar vencer o Fortaleza:

“Eu acredito no grupo de jogadores. Vi entrega, vi dignidade. Vi um grupo querendo vencer. Quando a gente vê certos requisitos, a gente acredita. O que me deixa confiante é atitude. Blindar as coisas, organizar as coisas internamente. O Grêmio não tem feito partidas para ser derrotado, vamos combinar. Algumas delas, sim. Ninguém vai tapar o sol aqui. Vamos para uma epopeia em Fortaleza”, comentou o presidente.

Restam 15 partidas para o Grêmio, na sequência que você vê logo abaixo, sendo que o cálculo ideal para evitar a queda é de 7 vitórias:

Flamengo (C)
Atlético-MG 2x (C e F)
Fortaleza (F)
Juventude (C)
Atlético-GO (F)
Palmeiras (C)
Inter (F)
Fluminense (C)
América-MG (F)
Bragantino (C)
Chapecoense (F)
São Paulo (C)
Bahia (F)
Corinthians (F)

Confira o anúncio oficial do Grêmio sobre a saída de Felipão:

“O Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense informa que, após reunião esta noite, chegou a um comum acordo com o técnico Luiz Felipe Scolari para o encerramento do vínculo. Felipão deixa o Grêmio com os auxiliares Carlos Pracidelli e Paulo Turra e o preparador físico Anselmo Sbragia.

Nesta quarta passagem pelo Tricolor, o técnico bicampeão da América tornou-se o segundo treinador com mais jogos à frente do Grêmio, completando 385 jogos na casamata. No último mês, perpetuou-se na história gremista ao marcar seu nome na Calçada da Fama.

O Clube agradece o comprometimento e respeito do técnico e sua equipe com a instituição durante o período de trabalho. Ao mesmo tempo, Luiz Felipe deixa registrado o seu agradecimento ao Grêmio: “e continuarei sendo gremista, como sempre fui e sempre serei”.

    Estamos também no Telegram:
  • Clique aqui para entrar no grupo para acompanhar as notícias do Grêmio
    Estamos também no WhatsApp:
  • Clique aqui para entrar no grupo 29 para acompanhar as notícias do Grêmio.
  • Clique aqui para entrar no grupo 20 para acompanhar as notícias do Grêmio.
  • Clique aqui para entrar no grupo 25 para acompanhar as notícias do Grêmio.