CBF toma decisão sobre ideia contra o rebaixamento em 2024 levantada por Renato

Presidente Ednaldo Rodrigues se manifestou durante este domingo sobre o tema

Publicidade

Em entrevista dada neste domingo no Maracanã, onde foi realizado o “Futebol Solidário”, o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, descartou a exclusão do rebaixamento na Série A em 2024, que é uma ideia defendida abertamente pelo técnico do Grêmio, Renato Portaluppi. A entidade alega que uma eventual mudança quebraria regras já estabelecidas por leis.

“Tudo é possível (sobre o Brasileirão), todas as considerações (dos clubes) são possíveis. Mas o (não) rebaixamento não está na proposta da CBF e acredito também que de nenhum clube também. Não vai acontecer. Porque a gente obedece um calendário e um regulamento da Fifa. O Estatuto da CBF tem duas leis pelo acesso técnico, tanto a Lei Pelé quanto a Lei Geral do Esporte. Então teria que mudar a constituição para não ter rebaixamento”, afirmou o mandatário da CBF, em declaração recuperada pela ESPN.

Veja também:
1 De 5.992

Uma dificuldade em caso de aprovação da ideia seria a montagem do calendário de 2025 com a Série A tendo 24 clubes. Mesmo ciente disso, Renato entende que o equilíbrio técnico do Brasileirão já não existe mais, uma vez que Grêmio e Inter sequer sabem quando jogarão novamente em Porto Alegre nos seus estádios.

“Sem dar nomes, eles (técnicos) têm sido bastante solidários. Eles têm esse mesmo pensamento de não termos nenhum clube rebaixado este ano. A gente opina, mas não cabe a nós tomar essa decisão. Essa decisão será dos presidentes dos clubes com o presidente da CBF. Única coisa que posso falar e opinar: pensem direito sobre essas decisões no próximo dia 27”, afirmou Renato em sua última coletiva.

CBF faz reunião com os clubes

Nesta segunda-feira, ocorre a reunião da CBF com os clubes da Série A do Brasileirão, onde serão discutidas as questões sobre a continuidade do torneio, que está marcado para retornar no próximo final de semana.

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas