Campeões pelo Grêmio, Tite e Felipão selam a paz antes da vitória do Atlético-MG sobre o Flamengo

Ambos tinham relação bastante estremecida desde um episódio em 2011

Publicidade

Nomes emblemáticos na história do Grêmio, Tite e Felipão se reencontraram nesta quarta-feira na vitória do Atlético-MG por 3×0 sobre o Flamengo, no Maracanã, pelo Brasileirão. Ambos não vinham se falando e tinham relação estremecida há aproximadamente 13 anos, mas selaram a paz com um longo abraço antes do começo do jogo desta noite.

“Eu falei para ele três vezes: ‘Muito obrigado’. No início da minha carreira, fui buscar nele informações e conhecimentos. Imaginava um dia ter o nível de Felipão, Luxa, Nelson Baptista, que são referências nacionais. Então agradeci a ele”, declarou Tite, atual treinador flamenguista, em coletiva.

https://twitter.com/CentralDoCAM/status/1729991496626041144

Em 2011, Tite viralizou ao gritar a expressão “fala muito” para Felipão durante um clássico entre Corinthians x Palmeiras pelo Paulistão. No ano anterior, o atual comandante rubro-negro havia ficado irritado pois, na época, o seu Corinthians brigava pelo título brasileiro, mas não teve a “ajuda” do Palmeiras de Felipão em um jogo contra o Fluminense, que mais tarde ficaria com a taça.

Grêmio estava de olho neste jogo

O Grêmio, que ainda sonha com o título brasileiro, ficou de olho em Flamengo 0x3 Atlético-MG nesta noite, que mexeu diretamente com as primeiras posições da tabela. Agora, o líder é o Palmeiras com 66 pontos e o Galo tem exatamente três pontos a menos faltando duas rodadas. O tricolor gaúcho tem 59 pontos, no 5° lugar, aguardando o jogo contra o Goiás nesta quinta.

Em termos de títulos, Felipão fez história no Grêmio com as conquistas da Libertadores de 1995 e do Brasileirão de 1996. Já Tite brilhou pelo tricolor ao erguer a taça da Copa do Brasil de 2001.

Leia mais:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)