Em nova entrevista, Borré explica ligação com o Inter na infância e cita Sobis e Fernandão

Atacante colombiano poderá fazer a sua estreia pelo Inter na próxima quarta-feira

Publicidade

Em uma nova entrevista publicada em suas redes sociais nas últimas horas, o atacante colombiano Rafael Borré voltou a repercutir o acerto com o Inter e lembrou de sua própria infância, quando, segundo ele, gostava de escolher o time colorado para jogar video-game. Neste sentido, citou nomes históricos do clube como Fernandão e Rafael Sobis.

“Quando criança eu jogava play e muitas vezes eu gostava de jogar a Libertadores escolhendo o Inter. Agora que estou aqui eu lembro desses momentos e para mim é especial. Rafa Sobis, Fernandão, Rentería, Vargas… um time que foi muito histórico aqui”, disse, antes de novamente agradecer pelo carinho da torcida do Inter desde antes de sua chegada na última terça:

“Eu creio que o carinho que recebi ajudou na minha escolha. Para mim isso é muito importante. Foi fundamental para que a minha chegada fosse antes. O apoio da torcida se fazia sentir, se fazia notar e ajudou a fazer diferença. Agradeço aos colorados por todo o carinho e tenho a ilusão de que viveremos grandes momentos juntos”.

Borré apresentado no gramado

No último sábado, Borré esteve no gramado do Beira-Rio sendo apresentado à torcida junto com os volantes Fernando e Thiago Maia. Eles pisaram no campo minutos antes da vitória de 3×0 sobre o São Luiz, que colocou o colorado na semifinal do Gauchão para encarar a equipe do Juventude. O trio, porém, não pode jogar a sequência do campeonato estadual por questão de inscrição.

Inter tem Borré e Alario
Borré já vem treinando pelo Inter – Foto: Divulgação/Ricardo Duarte

Possível estreia

O Inter ainda aguarda uma confirmação oficial da CBF, mas deverá levar Borré para a partida de quarta-feira, 20h, em Brasília, contra o Nova Iguaçu, pela segunda fase da Copa do Brasil. O jogo é em caráter único e um eventual empate levará o jogo para os pênaltis. O clube viajará na terça-feira visando o confronto no Estádio Mané Garrincha.

Relembre algumas falas de Borré em sua coletiva de apresentação

ÚLTIMOS MESES

Os últimos meses foram duros. Principalmente, na parte pessoal. Desde que o Inter me anunciou, era difícil estar em um lugar onde não seria igual a minha cabeça. Eu pensava no que viveria aqui, neste projeto de cinco anos. Em Bremen, eu estava emprestado e logo terminaria. O pensamento era estar no Inter. Foram meses difíceis. Sou transparente e transmiti isso aos dirigentes do Bremen. Poderia ter acontecido antes, mas aconteceu neste momento e agora posso ganhar tempo até que comecem algumas competições

PROJETO ESPORTIVO DO INTER E TORCIDA COLORADA

Desde o primeiro momento que senti o carinho da torcida, me interessei muito pelo clube, pelo projeto, pelos jogadores que já estavam. Soube das campanhas anteriores da equipe, como na Libertadores do ano passado, fazendo grandes partidas. O projeto esportivo do Inter me motivou muito e a torcida também foi muito importante, tanto na hora de tomar a decisão como de vir um pouco antes

LEIA MAIS:

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas