Após Renato testar positivo, Grêmio confirma mais dois casos de coronavírus direto do Equador

Tricolor não poderá contar com Vanderson e Paulo Victor no jogo contra o Independiente Del Valle

Depois do técnico Renato Portaluppi testar positivo para o novo coronavírus na segunda-feira, o Grêmio confirmou mais dois casos direto do Equador, onde enfrenta o Independiente Del Valle nesta quarta-feira, 19h15, pela ida da terceira fase da pré-Libertadores: o goleiro Paulo Victor e o lateral-direito Vanderson.

Ambos, segundo o clube, estão “assintomáticos” e voltarão ao Brasil em voo privado, cumprindo os protocolos e afastados dos demais. Veja a nota oficial do clube:

O Grêmio informa que os atletas Paulo Victor e Vanderson testaram positivo para Covid 19 em Quito, e estão isolados no hotel da delegação, ambos assintomáticos. O clube está tomando todas as providências para o retorno dos atletas a Porto Alegre em voo privado, cumprindo todos os protocolos sanitários previstos.

Ressaltamos que todos os atletas estão em quartos individuais. “Todos os integrantes do clube são testados em método PCR, diariamente ou a cada dois dias. Aqui em Quito os dois atletas positivos não apresentaram sintoma algum”, diz Márcio Dornelles“.

Como Paulo Victor já era reserva, não trará problemas na escalação do titular Brenno. Já Vanderson terá de ser substituído por Victor Ferraz, presente na delegação como opção na lateral.

  • Clique aqui para entrar em um grupo de WhatsApp e acompanhar as notícias do seu time.
Deixe um comentário

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. AceitarLer políticas

Políticas & Cookies