Wendell deixa claro o desejo de voltar ao Grêmio, e direção se manifesta sobre eventual negócio: “Tem muito mercado”

CEO do clube Carlos Amodeo conversou com o jornalista Jorge Nicola sobre o lateral-esquerdo

Publicidade

Defensor do Bayer Leverkusen, da Alemanha, já há várias temporadas, o lateral-esquerdo Wendell, de 27 anos de idade, voltou a agitar a torcida gremista nos últimos dias ao prometer “fazer força” para retornar ao clube no meio do ano que vem, que é quando acaba o seu atual contrato na Europa.

LEIA MAIS – Atacante do Grêmio se impressiona com primeiros dias de Douglas Costa em campo: “Loucura vê-lo dominando a bola”

Perguntado sobre o jogador pelo jornalista Jorge Nicola, no YouTube, o CEO e gerente-geral gremista Carlos Amodeo fez elogios ao seu futebol, mas reagiu com cautela ao futuro:

“Teve uma passagem muito boa no Grêmio, tem 27 anos e está atuando em alto nível no futebol alemão. Tem ainda muito mercado. Por mais que ele demonstre um desejo de voltar, é praticamente inviável a gente considerar uma contratação neste nível na próxima janela”, resumiu.

Wendell, em live recente com o também jornalista Cesar Fabris, falou com enorme carinho do Grêmio, clube pelo qual foi titular em 2014:

“Eu estou achando que o nosso Grêmio vai ser campeão esse ano. Campeão brasileiro. Eu acredito que esse ano vai. Se não empatar tanto como foi na última temporada, vamos chegar ao título. Está muito bom. Ganhamos dos vermelhos de novo”, disse, antes de relembrar a sua passagem:

“Foi uma passagem curta, mas eu tenho muito carinho. Minha primeira opção em tudo é o Grêmio. O que eu construí com a torcida e o povo gaúcho eu agradeço a Deus. Ainda é cedo (risos). Vamos ver a próxima janela. Até ano que vem o contrato. Vou fazer essa força (para voltar) ao tricolorzão. Um beijo para todos os gremistas, vocês são feras demais”, finalizou.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)