Grêmio não descarta interesse, mas admite preocupação em eventual investida em Alex Teixeira: “Situação complexa”

Carlos Amodeo, em entrevista concedida ao jornalista Jorge Nicola, declarou certo receio nesta investida

Publicidade

Embora considere o meia-atacante Alex Teixeira, de 31 anos, como um jogador acima da média, a direção do Grêmio mostra receio em uma possível investida pelo fato de o atleta estar sem jogar há bastante tempo. Ele está sem clube desde a saída do Jiangsu Suning, da China, e o tempo parado foi algo citado pelo CEO e gerente-geral gremista, Carlos Amodeo.

LEIA MAIS – Tiago Nunes fala da rivalidade Gre-Nal e dribla passado como torcedor: “Dou o sangue pelo clube que estou”

Em entrevista recente concedida ao jornalista Jorge Nicola, no YouTube, o dirigente ressaltou a questão da longa inatividade, mas não chegou a descartar verbalmente uma possível tentativa:

“Ele vem de quatro ou cinco temporadas na China e, ao que me parece, sua última partida foi em novembro ou dezembro. O que faz com que esteja seis meses sem atuar em alto nível. Sem falar do atleta em si, mas da circunstância, precisamos reavaliar a readaptação ao futebol brasileiro e o grau de competitividade nesse momento. É uma situação complexa sem entrar na questão financeira”, comentou.

O Grêmio segue falando na possibilidade de ter mais “um ou dois” reforços na complementação da temporada – antes, o volante Thiago Santos, o lateral-direito Rafinha e o meia-atacante Douglas Costa chegaram de forma oficial, e os dois primeiros inclusive já foram campeões gaúchos como titulares.

Segundo a Rádio Pachola, lideranças do elenco gremista estariam agindo nos bastidores para que a chegada de Alex Teixeira possa ser viabilizada. O jogador se notabilizou no futebol brasileiro pelo Vasco e depois ficou de 2010 a 2016 no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)