Sarrafiore fecha 6° jogo sem entrar em campo e Zé Ricardo define status do meia

Publicidade

Fora os 14 minutos finais da vitória de 3×2 fora de casa sobre o Bahia, logo na estreia de Zé Ricardo, o meia Martín Sarrafiore não sabe mais o que é estar em campo pelo Inter com o novo técnico. A cada rodada, o jogador parece ter pedido mais espaço e vê outros nomes como Parede, Neilton, Pottker, Wellington Silva e Sobis seguirem ganhando chances.

Em coletiva após o empate em 2×2 com o Fortaleza, neste domingo, no Beira-Rio, Zé atualizou o “status” do meia dentro do elenco colorado: como articulador e na reserva de Andrés D’Alessandro.

“Nos treinamentos tenho observado que ele (Sarrafiore) tem desempenhado o melhor que a gente acredita na função do D’Alessandro, jogando atrás do atacante. Como tomamos o gol, entendi que precisávamos de outro atacante, como o Sobis, e trazer o D’Alessandro para a criação das jogadas”, disse.

Segundo levantamento do portal Globoesporte.com, Sarrafiore tem a melhor média de gols por tempo jogado do atual elenco na temporada, com seis gols em 33 partidas – 1.039 minutos em campo.

Contratado sob muita expectativa no meio de 2018 junto ao Huracán, o argentino é um dos xodós da torcida mesmo sem nunca ter tido uma sequência de jogos atuando como titular.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Inter em tempo real. (Clique Aqui)