Renato detona postura do Grêmio em gol no fim e revela frase para o 4° árbitro: “Cansei de ser roubado”

Saiba os principais detalhes da coletiva de imprensa deste domingo de Renato Portaluppi

Publicidade

O técnico Renato Portaluppi subiu o tom e soltou o verbo ao criticar a postura dos seus jogadores no gol do Santos, já perto dos acréscimos, na derrota do Grêmio de virada de 2×1 na Vila Belmiro, pelo Brasileirão. Ferreira e outros atletas acharam que a bola havia saído, deixando Renato irritado na beira de campo antes de Furch fazer o gol para o Peixe.

Em coletiva de imprensa, Renato ainda repercutiu a sua expulsão após a também expulsão de Reinaldo e admitiu ter errado ao falar o seguinte para o 4° árbitro: “Estou cansado de ser roubado”. Momentaneamente, o Grêmio é o 5° com 33 pontos e recebe o Cruzeiro domingo que vem às 16h.

Derrota para o Santos e gol sofrido

O Grêmio jogou bem contra o Flamengo apesar do resultado e hoje o Grêmio jogou bem de novo, na minha opinião. Mas tomamos um gol que faltou atenção. Tínhamos combinado antes, mas não foi feito no escanteio. O jogador do Santos deu o chutão e eu gritei para eles que não sairia, eu estava na linha. Faltou atenção e foco. Nós ficamos assistindo. A bola pune. Fizemos um gol, tivemos mais chances e não matamos o jogo

Entrada de Galdino

Hoje nós não tínhamos dois jogadores importantes, como o Villasanti e o Suárez. O Galdino vem voltando de lesão, mas ele precisa recuperar o ritmo de jogo dele. Ele está mais adepto ao nosso estilo de jogo. É um jogador que vai nos ajudar bastante. Não era problema de velocidade ali. Poderíamos ter caprichado mais nas nossas chances e pagamos o preço de um erro inadmissível e infantil

Retrospecto ruim contra times do Z4

Deixar de ser Robin Hood, de tirar dos ricos e dar para os pobres. Estamos perdendo pontos importantes para clubes da zona do rebaixamento. A gente não quer perder, mas tem o desespero dos rivais. O Santos tem um belo grupo e nem sei como estão nessa situação. Jogando em casa, com a sua torcida, conseguiram a vitória por um erro nosso. Não tem jogo fácil no campeonato, mas o que a gente não pode é dar esse mole

Expulsão de Renato

“Eu fui expulso porque mereci ser expulso. Mas eu fui cobrar do 4° árbitro que nem tinha sido falta do Reinaldo. Ele deu segundo amarelo e o bandeirinha que estava na frente não auxiliou. Eu vi o lance no vestiário e nem falta foi. Mas não estou desculpas não. Na pior das hipóteses, era falta sem cartão amarelo. Falei para o 4° árbitro que estava cansado de ser roubado. Errei. Não deveria ter dito nada disso”

Leia mais sobre o Grêmio:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)