Pedro Ernesto vê “grande medida” do Grêmio ao desistir de Borré e cita novo alvo para o ataque no mercado

Narrador da Rádio Gaúcha deu a entender que achava muito alto o valor a ser pago no colombiano

Na avaliação do narrador da Rádio Gaúcha, Pedro Ernesto Denardin, o Grêmio tomou uma “grande medida” ao desistir de fazer a contratação do atacante colombiano do River Plate, Rafael Borré. Em nota oficial já na noite desta terça-feira, o clube apontou a “insegurança” do atleta como justificativa para sair da negociação.

Em coluna escrita em GZH, o comunicador lembrou que Borré não é nem destaque de sua seleção, Colômbia, e que os valores oferecidos – cerca de R$ 11 milhões de salário por ano – poderiam deixar o clube em situação delicada sem o retorno em campo.

Por fim, Pedro Ernesto ainda trouxe a informação de que, para este lugar, o Grêmio já está negociando com Róger Guedes, que pertence ao Shandong Luneng, na China. No Brasil, o atacante de 24 anos ficou mais conhecido por suas passagens em Palmeiras e Atlético-MG.

Róger Guedes
Róger Guedes pode estar na mira gremista – Foto: Foto: Visual China Group via Getty Images

Confira as opiniões de Denardin:

“A desistência na contratação do jogador Borré é uma grande medida tomada pela direção do Grêmio. Os dirigentes apostavam neste jogador e estavam dispostos a investir uma fortuna para sua contratação e, depois, seus salários. Seria um contrato de cinco anos, quase um casamento”
.
“O jogador gostou da proposta — e quem não gostaria? — mas ficou “se encolhendo”, ouvindo o treinador Gallardo ou esperando por uma proposta do futebol europeu onde, aliás, ele já passou e fracassou. Borré não é jogador da sua seleção. Nunca chegou a ser uma evidência técnica em sua seleção como, por exemplo, Guerrero consegue ser no Peru. Sua passagem na Europa foi fracassada. Ele só teve destaque e protagonismo no River Plate, onde teve o braço do seu treinador. Um bom jogador, mas longe de ser uma sumidade futebolística”
.
“O Grêmio já entrou em fria com Bolaños, com Tardelli, com Thiago Neves, e estava correndo o risco de entrar em mais uma. Um contrato milionário, com longa duração, com um jogador hesitante se quer ou não vir. Que fique por lá, que seja feliz, mas longe do Grêmio, que é muito grande para esperar por jogadores que não têm a convicção de estarem chegando num grande clube. Pelo que sei, o Grêmio já está negociando com Roger Guedes, um jogador de qualidade semelhante e que, se estiver disposto a retornar ao Brasil, poderá ser um investimento melhor e mais tranquilo”

  • Clique aqui para entrar em um grupo de WhatsApp e acompanhar as notícias do seu time.
Deixe um comentário

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. AceitarLer políticas

Políticas & Cookies