Membro de organizada do Inter rebate Medeiros e relata Nico López na noite

Publicidade

O presidente Marcelo Medeiros mostrou um visível desconforto ao falar das torcidas organizadas do Inter neste domingo. Ele lamentou os protestos feitos, como por exemplo o “silêncio” durante o primeiro tempo da vitória de 2×1 sobre o Fluminense, no Beira-Rio, pelo Brasileirão, mas foi rebatido pelo diretor da Camisa 12, Bruno Fagundes.

Em um dos trechos da coletiva, Medeiros cita que os torcedores fizeram “faixas contra o clube”. Mas, para o torcedor, as mensagens eram contra dirigentes e jogadores apenas:

“Atenção, Medeiros! ninguém protestou contra o clube e sim contra atitudes da diretoria e descaso de alguns jogadores… Vamo se liga no que fala por favor, nunca irão nos calar!!!”, escreveu Fagundes no Twitter.

Em seguida, ele fez outras postagens relatando que o atacante Nico López estaria curtindo a noite de domingo no clube Ok Center, de Novo Hamburgo, cidade próxima de Porto Alegre. O uruguaio entrou no segundo tempo do jogo da tarde contra o Flu e evidentemente teve a noite de folga.

“Foi contra essas atitudes que fizemos faixas no pátio, jogador na noite debochando do torcedor”, disse o torcedor, antes de completar: “Domingo estaremos em São Paulo para Corinthians x Inter… pegaremos sol, chuva e etc pra chegar lá e muitas vezes apanhar de polícia e voltar com resultado negativo e vocês acham que eu não tenho direito de cobrar? NUNCA IREMOS NOS CALAR….”, escreveu.

Veja os posts:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Inter em tempo real. (Clique Aqui)