Melhor ir para Libertadores ou jogar a Sul-Americana? Dirigente do Inter responde e promete não “apequenar” o clube

Executivo de futebol Paulo Bracks concedeu coletiva de imprensa depois da derrota para o Fluminense

Em 8° lugar com 47 pontos, já com quatro a menos que o 7°, o Fluminense, o Inter vê a vaga à próxima Libertadores ficar cada vez mais ameaçada, até porque o Ceará pode ultrapassá-lo em caso de vitória sobre o Corinthians, em casa, nesta quinta-feira. Mas o foco colorado, respaldado pela direção depois da derrota para o próprio Fluminense, é de conseguir jogar a maior competição continental do ano que vem com a promessa de não ser um mero “coadjuvante” na campanha.

Paulo Bracks, executivo de futebol colorado, foi perguntado em coletiva se até que ponto seria interessante para o Inter ir para a Libertadores não sendo cotado entre os favoritos ou ir para a Sul-Americana com chances mais reais. O dirigente prometeu nunca “apequenar” o clube:

“Eu não vou apequenar o Inter. O objetivo é sempre o maior. Quase todo ano disputamos a Libertadores. É onde devemos estar. Se formos à pré-Libertadores, vamos buscar a classificação e não queremos ser coadjuvantes. Queremos brigar como brigamos esse ano, onde tivemos o infortúnio de cair pro Olimpia nos pênaltis, o mesmo Olimpia que não nos venceu no ano. A gente pensa nas melhores competições. São torneios que o clube está acostumado. Nos últimos três anos brigamos por títulos, como Copa do Brasil e Brasileirão e vai ser assim ano que vem também”, declarou.

Bracks, em outra resposta, garantiu que o planejamento para 2022 já está em andamento, mas que ainda não é o momento de fazer anúncios nem diagnósticos sobre o atual plantel:

“Evidentemente que o trabalho de 2022 já começou. Quando o campeonato acabar, vamos fazer um balanço e projetar a próxima temporada. O vestiário não está pesado. Está hoje, muito indignado pelo jogo de hoje. Houve luta, houve entrega e houve empenho, mas não houve resultado”, acrescentou, sobre a derrota no Maracanã.

Jogos finais do Inter no Brasileirão:

• Santos (Beira-Rio) – 28/11
• Atlético-GO (Beira-Rio) – 05/12
• Bragantino (Nabi Abi Chedid) – 09/12

Receba as notícias do Inter em primeira mão: